• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 casos trágicos de famílias assassinadas que não foram resolvidos

POR Natália Pereira    EM Mistérios & Horror      10/05/18 às 16h54

Resolver um crime na vida real é, com certeza, bem mais difícil do que os filmes Hollywoodianos demostra ser. As coisas não acontecem, na maioria das vezes, da maneira acelerada que esse tipo de encenação demostra. Afinal, eles tem que deixar o seu público entretido a todo momento e fazer isso demanda uma agitação maior e constante dos atores e das cenas em si. E, apesar de imaginarmos como tudo seria melhor se as coisas fossem como em um episódio de Sherlock Holmes, elas são bem mais complexas e complicadas do que isso.

Toda essa agitação mostrada faz com que esperemos resultados tão rápidos quanto, mas não é assim que acontece. E, infelizmente, com o passar do tempo as pistas vão se perdendo e fica ainda mais difícil solucionar um crime. Fazendo com que muitos deles fiquem em aberto durante muito tempo, até mesmo anos, e simplesmente não sejam solucionados. Isso pode ser frustrante mas é a nossa realidade ainda hoje e esses são alguns casos de famílias assassinadas que permanecem um mistério.

1 - Família Bricca

Alguns dias aparentemente normais acabam terminando de forma misteriosa e drástica. O engenheiro químico Jerry Bricca voltou para sua casa em Cincinnati no dia 25 de setembro de 1966 depois de um dia de trabalho e, antes disso, comprou leite para sua esposa e filha, Linda e Debbie Bricca respectivamente. Ele já estava em casa por volta das 20 horas e chegou a conversar com um vizinho que estava na rua enquanto levava o lixo para fora. O problema é que, no dia seguinte, Debbie não foi para a escola e Jerry não pegou seu voo de negócios para a Virgínia Ocidental.

Depois de notarem o desaparecimento da família, e perceberem o comportamento anormal dos cães da casa que não paravam de latir, alguns amigos resolveram investigar. Um deles, Dick Meyer, era um veterano da Segunda Guerra Mundial e foi quem abriu a porta. Quando fez isso sentiu um cheiro peculiar, como se algo estivesse morto, e chamou a polícia. Assim que eles chegaram e vasculharam a casa encontraram Debbie morta em sua cama, assim como Jerry e Linda na deles. O corpo da mulher havia sido colocada em cima do marido, que estava com uma meia enfiada na boca, e todos os três foram esfaqueados até a morte.

Ao final, as autoridades não conseguiram encontrar a arma do crime. Além disso, a carteira de Jerry e o jornal daquela manhã, dia 26, haviam desaparecido. Fora isso tudo parecia estar em ordem. Alguns acabaram associando o crime a um roubo que deu errado mas um vizinho acabou afirmando que Linda parecia nervosa algumas semanas antes. Outro ponto que abria novos questionamento era o fato de que uma amiga de LindaValerie Percy, foi assassinada uma semana antes do caso da família. Apesar disso, os dois casos nunca foram ligados oficialmente e um suspeito não foi encontrado.

2 - Família de Ligonnes

Apesar de terem um suspeito em mente para esse caso, este nunca foi encontrado e o caso permaneceu sem solução. Uma mulher chamada Agnes Dupont de Ligonnes e seus 4 filho foram mortos por um fuzil 22 com silenciador e enterrados em se próprio quintal, juntamente com seus 2 labradores. Aparentemente eles teriam sido baleados enquanto dormiam em suas camas e posteriormente levados para fora no local onde seriam enterrados. O caso, que aconteceu na França, acabou ganhando repercussão e chocou o país.

Assim que as pessoas começaram a notar a falta da família, eles foram considerados desaparecidos e uma busca foi iniciada pela polícia. Quando olharam a casa dos Ligonnes acabaram notando uma perna decepada que parecia sair do jardim e foi assim que encontraram todos os cinco. A história acabou gerando um suspeito imediato, Xavier Dupont de Ligonnes, o esposo de Agnes e o pai dos 4 adolescentes, que tinham entre 13 e 21 anos. Depois de investigarem o homem, as autoridades acabaram descobrindo que ele tinha negócios fracassados e uma possível amante. Ele também teria ligado para a escola onde as crianças estudavam e dito que eles estavam de mudança e até encerrou o contrato da casa.

Uma busca foi iniciada para encontrar Xaxier mas apenas o seu carro foi encontrado, abandonado em um hotel nas proximidades. Eles suporam que o homem teria se suicidado mas nenhum corpo foi encontrado. Tudo aconteceu em 2011 mas o caso acabou não seguindo. Em 2015, um jornalista da AFP acabou recebendo uma carta escrita "Ainda estou vivo" e uma foto de Xaxier e seus filhos. Eles não tem certeza se foi realmente ele que mandou a mensagem e, mais uma vez, ele permaneceu desaparecido.

3 - Família Ade

A casa da família Ade ficava em Nashville antes de tudo acontecer, em 1897. Em uma noite, um vizinho da família teria percebido uma luz estranha vindo da casa dos Ade. Ele decidiu ir até o local e percebeu que a casa estava em chamas. Na tentativa de ajudar, ele entrou na casa chamando pela família mas acabou encontrando seus corpos em meio aos destroços. As autoridades foram acionadas e foi aí que as coisas começaram a ficar ainda mais tensas.

Apesar de terem suposto, inicialmente, que tudo não passava de um incêndio acidental, as coisas logo mudaram. O corpo de um dos membros da família, uma menina de 10 anos chamada Rose, foi encontrado em um estado diferente e gerou suspeitas. O seu corpo não estava queimado como os demais e parte da sua cabeça e mãos estavam faltando. O incêndio acabou sendo classificado como criminoso e foi aí que as suposições começaram.

Eles suporão que a família teria sido obrigada a ir até a sala, local onde foram encontrados, e foram atacados brutalmente até a morte. Mas, antes que isso acontecesse, Rose acabou fugindo dos assassinos pela janela. O incêndio teria servido como um disfarce para o que realmente tinha acontecido. Quando foram atrás da garota e a assassinaram, seu corpo foi levado até a casa em chamas e deixado lá. O problema é que ele acabou ficando diferente dos outros devido o tempo que passou nas chamas. Uma chuva que aconteceu na cidade aquela noite acabou levando embora qualquer pistas que os assassinos pudessem ter deixado.

4 - Os Robisons

A morte da família Robison, conhecido também como os assassinatos de Good Hart, aconteceu enquanto todos eles estavam em sua casa no Lago Michigan, ao norte de Good Hart. Eles moravam na região metropolitana de Detroid, em Lathrup Village, e estavam passando as férias de verão na outra casa. Mas, o que era para ter sido um momento em família agradável acabou em tragédia. Richard Robison, a esposa Shirley Robison e seus 4 filhos, Ritchie, Gary, Randy e Susan, foram brutalmente mortos.

Toda a família havia sido espancada e baleada até que não sobrasse mais nenhum deles. Os móveis da casa estavam revirados e os vidros quebrados quando foram encontrados um mês depois de sua morte. Aparentemente, algumas senhoras que jogavam bridge perto do local acabaram sentindo um cheiro forte e estranho vindo da casa. Quando foram até o local, os corpos já estavam apodrecendo com o calor e as autoridades foram acionadas. Apesar de terem tido alguns suspeitos na época não haviam evidências para comprovar o envolvimento de nenhum deles. O caso acabou ficando sem solução.

5 - Família Setagaya

Um ato de crueldade e psicopatia que foi além do assassinato. No ano de 2000, Mikio Miyazawa, sua esposa Yasuko e seus 2 filhos - um menino e uma menina, foram assassinados. Ambos os pais e a garota foram esfaqueados até a morte, enquanto o garoto foi estrangulado. Mas, o mais perturbador de tudo foi que, além de matar toda a família, o assassino ainda teria passado cerca de 11 horas na casa depois do crime. Ele teria usado o computador e até tomado sorvete antes de deixar o local na outra manhã.

Diversas evidências como roupas, impressões digitais e até mesmo a arma do crime foram encontrados mas, ainda assim, o criminoso não foi identificado. Estima-se que, no decorrer dos anos, cerca de 190 mil policiais tenham participado do caso e, de alguma forma, nenhum conseguiu solucioná-lo. Uma recompensa para aquele que conseguisse identificá-lo acabou sendo lançada. Cerca de 10 milhões de ienes estavam em jogo mas o assassino permaneceu desconhecido.

6 - Família Bennett

Um caso realmente perturbador e brutal como esse acaba gerando revolta nas pessoas quando não é solucionado. Tudo aconteceu no dia 15 de janeiro de 1984 quando Bruce Bennett, um pai de família, teve que assistir as mulheres da sua vida serem violentadas e mortas por um maníaco. O assassino que invadiu a casa da família espancou e agrediu sexualmente Debra, de 26 anos, e sua filha Melissa, de 7 anos.

Todos os 3 acabaram mortos e a única sobrevivente foi Vanessa, a filha de 3 anos do casal. Que, apesar de ter ficado viva, teve seu rosto massacrado e destruído pelo criminoso. Sua mandíbula foi destruída e pedaços dos seus ossos acabaram indo parar em sua traqueia. Ela foi encontrada, junto com a sua família morta, na manhã seguinte depois que sua avó, Constance Bennett, foi até o local buscando entender porque eles não haviam ido trabalhar. Mesmo com a participação de aproximadamente 500 pessoas em sua investigação, não foram encontradas pistas para resolver o caso.

7 - Irmãs Grimes

Apesar do caso ter acontecido em 1956, um policial aposentado acabou reabrindo a investigação em 2010. As irmãs Grimes, Barbara e Patricia, de 15 e 13 anos respectivamente, moravam em Chicago, Illinois, quando tudo aconteceu. As garotas sairam de casa para irem ao cinema no dia 28 de dezembro daquele ano e acabaram desaparecendo. Seus corpos só foram encontrados no dia 10 de janeiro de 1957. Eles estavam congelados e nus em uma estrada rural de Chicago quando foram achados.

Apesar de terem registrado alguns suspeitos e os investigado, nenhuma acusação foi feita contra eles e o crime acabou não sem solução. Em 2010, uma testemunha acabou surgindo afirmando ter estado com ar irmãs Grimes na noite em que elas desapareceram afirmando ter tido medo de se manifestar na época. Ainda assim, nada foi concluído a respeito do assassinato.

Todos esses crimes hediondos acabaram sem uma solução e, principalmente, sem a condenação os seus brutais assassinos. É frustrante imaginar que eles conseguiram se livrar dos seus crimes, concordam?

Próxima Matéria
Natália Pereira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+