Curiosidades

7 coisas icônicas que se originaram através de crimes

0
7 coisas icônicas que se originaram através de crimes

Durante a história da humanidade, aprendemos que não é necessário ser uma grande pessoa para realizar atos que seriam lembrados na posteridade. Na verdade, algumas das coisas mais famosas do mundo começaram porque certas pessoas apenas estavam no lugar errado e na hora errado. E claro, isso que inclui atos que não são legais perante a lei. Pensando nisso, separamos 7 coisas icônicas que se originaram através de crimes.

Em alguns casos, essas pessoas foram vítimas de crimes. Já em outros, elas instigaram os crimes. De toda maneira, esses são atos que ficaram marcados pela história e ainda serão lembrados por bons anos.

1 – Superman

7 coisas icônicas que se originaram através de crimes

Em 1932, o pai de Jerry Siegel, Mitchell Siegel, foi morto enquanto trabalho. Dessa forma, sendo um imigrante judeu da Lituânia, Mitchell possuía uma pequena loja de roupas. Em uma noite, três homens armados tentaram roubar a loja e causaram um ataque cardíaco em Mitchell. Dito isso, após cerca de uma ano, Jerry esboçou a primeira aventura do Superman, onde ele salvava um lojista de assaltantes. Foi assim que nasceu o homem de aço.

2 – Tour de France

Desde 1903, o Tour de France acontece anualmente na França. No entanto, o início da maior corrida de ciclismo se deu a partir de um caso bastante controverso. Na época, uma suposta tentativa de assassinato do presidente da França havia sido falsamento publicada para queimar a imagem do Conde Jules-Albert de Dion, proprietário da fábrica de automóveis De Dion-Bouton. Com isso, depois de ficar preso por 15 dias, Dion estava certa que Alfred Dreyfus era o culpado do crime e o fez apenas para a publicidade de seu jornal. Em resposta ao caso, Dion criou o L’Auto. Mas, o jornal não vendeu muito bem e foi aí que surgiu a ideia de criar uma corrida, que posteriormente se tornou o Tour de France.

3 – KFC

Mais conhecido como Coronel Sanders, Harland Sanders foi o criador do KFC, a rede de restaurantes de fast-food e dona do “frango mais gostoso do mundo”, como eles afirmam. Contudo, antes do KFC ser o que é hoje, ele era um restaurante local e, como todo restaurante local, possuía um rival. Até que determinado dia, a competição passou dos limites e os dois restaurantes trocaram tiros. Dessa forma, após ser inocentado do caso, o rival de Sanders ficou preso por 18 anos, e foi assim, que o negócio cresceu.

4 – Classificações indicativas

Nos Estados Unidos, as classificações indicativas de filmes, ou classificação MPAA, se deram a partir do assassinato de William Desmond Taylor, um grande diretor de Hollywood. Nessa época, o Código Hays, que ficou conhecido pela censura e repressão, ainda estava em vigor. Logo, com a repercussão do caso, a violência no cinema estava mais próxima de ser “proibida”. Foi aí que surgiu a ideia das classificações indicativas e que posteriormente se tornaria o sistema de classificação MPAA.

5 – Hip Hop

É difícil explicar como o Hip Hop foi criado, mas para o rapper Grandmaster Caz, tudo, de fato, em 13 de julho de 1977. Nesse dia, dois relâmpagos derrubaram a energia de Nova York por 25 horas. E claro, não demorou muito para diversas lojas serem saqueadas. Com muitos equipamentos musicais sendo roubados, foi a primeira vez que músicos menos privilegiados puderam comprar equipamentos por meios alternativos. Ainda que não fosse o ideal, o rapper afirma que o blecaute não necessariamente criou o gênero, mas fez que ele fosse democratizado e se tornasse mais acessível.

6 – Marco Polo

Depois de viajar por diversos países, Marco Polo voltou para Veneza, na Itália. Contudo, ao chegar na cidade, ele foi impedido porque Veneza estava em guerra com Gênova. Mas, Marco Polo e sua tripulação não lidarão bem com a situação e entraram em uma briga. Depois disso, a tripulação foi presa e Marco Polo dividiu cela com Rustichello de Pisa. Graças a Rustichello, é que sabemos quem foi Marco Polo, tudo porque ele compartilhou suas histórias que viriam a ser incluídas no livro “O Livro das Maravilhas: A Descrição do Mundo”.

7 – Tabela Periódica

Em 1701, Johann Friedrich Böttger tentou enganar Rei Augusto, o Forte, afirmando que sabia fazer alquimia. Ou seja, transformar qualquer objeto em ouro. No entanto, para azar do vigarista, ele foi preso pelo Rei até que ele revelasse o segredo. Para salvar sua vida, Böttger inventou mais uma mentira, que sabia criar porcelana e que poderia acabar com o monopólio chinês do produto. De toda maneira, ao convencer o Rei de que sabia a fórmula, Böttger se juntou a cientistas que acabariam descobrindo os últimos elementos necessários para a finalização da tabela periódica.

Mais de 2,2 metros: os homens mais altos do mundo se encontram em Paris

Matéria anterior

Entenda porque nos EUA o voto para presidente é indireto

Próxima matéria

Mais em Curiosidades

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.