7 excelentes atores que foram desperdiçados em filmes da Marvel

POR Gabi Noronha    EM Fatos Nerd      10/04/18 às 17h16

A essa altura, não há como negar que a Marvel Studios sabe perfeitamente o que está fazendo com seu universo cinematográfico. Por mais que a linha cronológica de seus filmes possua alguns desencontros aqui e ali, a história principal está encaminhada para um ponto só. Sem contar que a cada filme lançado o sucesso é ainda maior. O estúdio reforçou o gênero super-herói no cinema e lhe concedeu mais força do que nunca. Suas produções contribuíram, e de certa forma ainda contribuem, para a virada na carreira de vários atores.

A começar por Robert Downey Jr. O ator tinha uma boa carreira em Hollywood, mas se envolveu com drogas, chegou a ser preso e passou um tempo esquecido por todos. Homem de Ferro foi um ponto de virada não apenas profissional, como também pessoal. O mesmo pode-se dizer de Chris Pratt. Antes conhecido como o gordinho de Parks and Recreation, hoje ele está com o corpo e a carreira transformados. Entretanto, tudo nessa vida é uma via de mão dupla. Se por um lado a Marvel Studios consegue alavancar a carreira de parte de seu elenco, ela consegue desperdiçar o talento de quem já construiu sua estrada.

Acontece que o estúdio criou o hábito de escalar grandes artistas para papéis que, em tese, deveriam ser significativos. Porém, no final do filme acaba não fazendo diferença alguma. Vale lembrar que não adianta comentar que "eles aceitaram o papel porque quiseram". Afinal, quem disse que eles também não podem ser fãs?! A questão aqui é: por que colocar Maryl Streep em seu filme com apenas três falas que não representam absolutamente nada na história? Sendo assim, vamos citar alguns desperdícios feito pela Marvel nos últimos anos.

1 - Mads Mikkelsen (Doutor Estranho)

Quando o filme foi anunciado, com Mads Mikkelsen como vilão, não poderíamos ter ficado mais animados. O homem nasceu para isso! Por mais que já tenha interpretado mocinhos, o ator se transforma por completo ao antagonizar qualquer história. Seu personagem em 007 - Cassino Royale despertou a dúvida no espectador e ele alcançou toda a graça com sua magnífica atuação na série Hannibal, onde ele interpretava Hannibal Lecter. Infelizmente, em Doutor Estranho ele não passou de mais um vilão descartável., sem desenvolvimento ou motivação. Quase não há falas ou diálogos para seu personagem, e isso é uma pena.

2 - Rebecca Hall (Homem de Ferro 3)

Acredite ou não, originalmente Maya Hansen seria a verdadeira vilã do filme, e a cientista se revelaria a pessoa por trás de Mandarim. No entanto, com receios de não vender brinquedos, a Marvel transferiu esse papel para o ator Guy Pierce. Uma pena, pois a participação de Rebecca Hall foi reduzida a insignificância. Dificilmente ela consegue ser lembrada como participante do filme.

3 - Anthony Hopkins (Thor)

O que falar sobre esse desperdício comunal? Mesmo que Thor tenha sido um bom filme, ele ainda carrega os erros de seus antecessores, que não são poucos. Um deles foi colocar Anthony Hopkins como Odin, Deus dos Deuses, para nada. O único feito memorável que o personagem realizou foi expulsar Thor de Asgard. Mesmo sendo todo poderoso e pai do Deus do Trovão, ele não transmite ensinamentos significantes ou qualquer momento heroico. Neste caso, seria melhor nem chamar.

4 - Natalie Portman (Thor)

O mais triste de tudo é ver o quão bom o elenco de todos os filmes de Thor foi. Além de Anthony Hopkins, outro talento desperdiçado foi o de Natalie Portaman. A atriz teve lá sua relevância no primeiro filme e isso apenas em partes. No fim das contas, foi uma representação açucarada que lhe rendeu o esquecimento depois. Os produtores bem que tentaram dar a Jane Foster mais importância na continuação, porém não conseguiram fazer nem um filme decente, quanto mais aproveitar a boa atriz que Portman é.

5 - Cate Blanchett (Thor: Ragnarok)

Este é o último exemplo de Thor, promessa! Para muitos fãs, Hela entra na lista de melhores vilãs do universo cinematográfico da Marvel. Entretanto, ela não passa de mais uma ótima atriz que o estúdio escalou para fazer fumaça. Cate Blanchett, a eterna Senhora de Lothlórien, aceitou interpretar a personagem por acha-la interessante e por acreditar que faltavam mais vilãs no gênero. Infelizmente, ela entrou para a estatística de antagonistas fracos. De fato, Hela conseguiu dominar Asgard e conduzir o planeta a destruição. Contudo, sua representação foi caricata, superficial e cheia de humor desnecessário.

6 - Benicio del Toro (Guardiões da Galáxia)

Embora o Colecionador tenha aparecido primeiro na cena pós-créditos de Thor, ele é mais conhecido por Guardiões da Galáxia (não quebrei a promessa). Apesar de o personagem guardar uma das Joias do Infinito, sua importância é reduzida a apenas isso. O personagem aparece e some tão rápido quanto Mercúrio em Vingadores: A Era de Ultron. Até o momento, o espectador mal sabe seu nome, pois nem ao menos lembra qual a relevância do personagem para a história.

7 - Ben Kingsley (Homem de Ferro 3)

Por que Ben Kingsley aceitou participar desse filme permanece um mistério. O ator possui um longo currículo e, entre altos e baixos, ele costuma escolher bem seus personagens. Para aceitar interpretar Mandarim em Homem de Ferro 3 o ator deveria estar, no mínimo, entediado. Não é apenas por ele ser um falso vilão, mas por sua presença em si na história não representar ameaça alguma. Quiseram recriar uma espécie de Osama Bin Laden fake como antagonista, e o resultado foi o pior possível. O vilão é lembrado como um exemplo do que não fazer com um personagem e ator.

Concorda com a lista? Qual ator ou atriz você acredita que mais teve seu talento desperdiçado em filmes da Marvel? Comente com a gente.

Via   WC  
Imagens HH MCU UCC Reddit SR OV SR
Gabi Noronha
Resumindo, é basicamente isso! Instagram: @gabinoronhaf

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+