Fatos Nerd

7 filmes da Marvel que quase foram arruinados pelos péssimos finais

0

As adaptações cinematográficas de super-heróis já acontecem há algum tempo. Embora elas tenham ganhado força no começo dos anos 2000, as adaptações circulam pelas telonas desde a década de 1980, mais ou menos. A Marvel Studios, por exemplo, foi fundada em 1993, porém, só começou a se levar a sério apenas quinze anos mais tarde, ao lançar Homem de Ferro. De lá para cá o resto é história. Mas claro, como todos sabemos, apesar do estúdio ter dado a volta por cima, muitos de seus personagens permaneceram “presos” em outras empresas.

Por isso, ao longo dos anos houve filmes baseados em personagens da Marvel, que não foram não produzidos pelo estúdio. Depois de ser comprado pela Casa do Mickey, o estúdio virou referência para filmes do gênero. Apesar disso, a Marvel não escapou de cometer alguns deslizes em suas obras. A seguir, selecionamos alguns longas que quase foram arruinados por seus finais desastrosos. Lembrando que nem todos os títulos listados foram produzidos pela Marvel Studios, no entanto, foram baseados em seus personagens.

1 – Hulk de Ang Lee

Ang Lee realmente tentou fazer algo diferente e relevante em sua versão do Hulk. Por alguns instantes, ele até conseguiu. Diferente do esperado, o filme é muito mais sobre a luta interna de Bruce Banner consigo mesmo do que sobre o gigante verde. O pecado de Lee foi justamente transferir o foco de um para o outro. No confronto final, Bruce luta contra o pai, que se transformou em algo inidentificável. A luta é frouxa e sem emoção alguma. Hulk não “esmaga” nada e sequer tem um oponente de verdade para combater. O duelo passa longe de ser algo físico, se concentrando apenas no psicológico do herói.

2 – Guardiões da Galáxia

O filme de James Gun foi uma grata surpresa. O grupo de heróis desajustados não era conhecido pelo grande público e logo caiu nas graças de todos. Com o humor frequentemente unido a aventuras espaciais e personagens interessantes, Guardiões da Galáxia garantiu sucesso em sua estreia. O grave problema do longa está mais em seu clímax, mais especificadamente na luta final. Além da polêmica dancinha de Peter Quill, o suposto sacrifício que o grupo faz ao tocar na Joia do Infinito falhou em transmitir qualquer emoção ao espectador. Bom, não se pode ter tudo.

3 – Blade Trinity

Depois de o filme inteiro destruir a imagem do Drácula, no final, Blade ainda consegue piorar a situação. Os dois tem uma breve luta na qual o suposto vampiro original apanha mais do que deveria. No fim, o ser superior da raça é derrotado por meio de um simples vírus que faz seu coração pulsar novamente. Definitivamente, a trilogia de Blade não terminou tão bem quanto começou.

4 – Thor

Deixando de lado todos os outros desastres do filme, aqui comentaremos apenas o final. Um desfecho que, francamente, deixou um gostinho de decepção. A luta final, na qual Thor recupera seus poderes, é lamentável. A falta de ousadia na cena é um grande problema. O Deus do Trovão não é um personagem qualquer e, como tal, merecia um adversário à altura. Ou ao menos uma sequência na qual o espectador se arrepiasse quando ele ganhasse de volta seus poderes. Tudo é muito rápido e superficial.

5 – Os Vingadores: A Era de Ultron

Ultron era um vilão com bastante potencial, mas que infelizmente se revelou apenas mais do mesmo. A batalha em Sokovia não foi de toda ruim, apenas o seu desfecho. O filme demorou muito para chegar a esse ponto e, quando os heróis se encontravam sem saída, um milagre aconteceu e tudo foi resolvido de uma hora para outra. Um vilão como o Ultron merecia um final diferente.

6 – Homem de Ferro 3

No fim das contas, o plot twist de Homem de Ferro 3 acabou sendo o elemento mais criticado em toda a história. Além da revelação horrível de Mandarim ser outra pessoa, temos um Tony Stark que vai para a luta sem o seu uniforme, contando apenas com seu cérebro de gênio. Sendo que, em um combate, sua armadura é praticamente a extensão de seu corpo. Como se isso não fosse ruim suficiente, o dia é salvo não pelo Homem de Ferro, mas por Pepper Potts. Que de quebra também salva Tony Stark.

7 – Quarteto Fantástico e o Surfista Prateado

Galactus é um dos vilões mais poderosos da Marvel Comics. Mesmo assim, depois de todos os erros cometidos pela adaptação cinematográfica de Quarteto Fantástico, a produção ainda teve coragem de colocá-lo como um ser fácil de lidar. O filme monta um cenário de apocalipse caso Galactus chegasse a Terra. Surfista Prateado, teoricamente, é seu servente. Mesmo assim, no final das contas, é ele quem sobe em sua prancha e surfa para o olho do furação. Impedindo, dessa forma, o fim do planeta. Simples assim.

O que você achou dos finais desses filmes? Gosta de alguns deles? Em sua opinião, quais outros títulos da Marvel deveriam estar na lista? Comente conosco!

8 tipos de magias mais poderosas do universo Harry Potter

Matéria anterior

8 coisas que você provavelmente não sabia sobre Bruce Lee

Próxima matéria

Mais em Fatos Nerd

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.