7 pessoas com deficiências físicas que conquistaram coisas que muitos não conseguem

POR Natália Pereira    EM Curiosidades      16/04/18 às 17h10

Muitos acreditam, erroneamente, que o simples fato de ser diferente dos demais os tornam piores do que estes. Fazendo com que qualquer tipo de deficiência seja considerada uma barreira na vida de seus portadores. Mas, para aqueles que tem que viver o problema na pele todos os dias, é preciso encontrar uma forma de lidar com eles e seguir em frente com suas vidas. Conseguir isso não é nada fácil mas aqueles que conseguem o fazem de forma extraordinária.

A maioria das pessoas vê os problemas como limitadores e acabam sendo vencidas por elas. Mas, alguns poucos espalhados por aí, veem uma oportunidade nos lugares mais improváveis e não desistem dos seus sonhos, por mais difícil que seja realizá-los. Essas pessoas não deixaram que a sua deficiência vencesse e os impedisse de viver. Eles lutaram até o último instante e surpreenderam as pessoas pela sua força. E, mesmo com as suas limitações, conseguiram fazer coisas incríveis que a maioria das pessoas não conseguiriam em toda sua vida.

Stephen Hawking, um homem conhecido mundialmente, é uma das provas disso. Mas, além dele, muitos outros resistiram aos problemas causados por suas deficiências e conseguiram se destacar. E, por isso, também merecem ser lembrados.

1 - Zack Ruhl

O homem nasceu com uma condição rara nos ossos das pernas que acabou fazendo com que elas se deformassem. Ambas as pernas acabaram sendo amputadas quando ele tinha apenas 2 anos de idade e ainda assim ele lutou para alcançar seus objetivos. Ele se tornou um treinador de CrossFit e consegue fazer exercícios incríveis mesmo estando em uma cadeira de rodas durante grande parte do tempo. Levantando até 190 quilos em seus treinamentos.

2 - Amy Purdy

A competidora dos Jogos Paraolímpicos, Amy Purdy, ganhou a medalha de bronze em 2014 e a medalha de prata em 2018. Ela teve de amputar a parte de baixo dos joelhos, das duas pernas, depois de contrair uma meningite bacteriana quando tinha 19 anos. E, além de outros problemas de saúde adquiridos, ela nunca desistiu de viver e de seguir seus sonhos. Que felizmente se tornaram possíveis devido seus esforços e suas pernas protéticas. Você pode ver uma de suas performances em snowboarder no vídeo acima.

3 - Bethany Hamilton

A menina que inspirou o filme 'Soul Surfer - Coragem de Viver' sofreu um trágico ataque de tubarão e, ainda assim, conseguiu sair viva. Ela perdeu o seu braço esquerdo durante o ataque enquanto surfava com seu melhor amigo, seu pai e seu irmão. Tudo isso quando ela tinha apenas 13 anos de idade e, o mais surpreendente de tudo, apenas 1 mês depois do ataque ela já estava sobre a prancha de surfe novamente. Ela consegui voltar ao mar e se tornou uma surfista profissional de grande sucesso.

4 - Aaron Fotheringham

Aaron Fotheringham teve que usar cadeiras de rodas desde seus 8 anos de idade e fez dessa condição um meio para o seu sucesso. Ele se inspirou em seu irmão, que andava de bicicleta nas pistas de skate, e começou a praticar manobras com uma cadeira de rodas modificada. Quando tinha 14 anos ele conquistou o titulo de primeira pessoa de cadeira de rodas a fazer um back-flip. E, com seus 18 anos, conseguiu dar uma cambalhota dupla. Hoje ele serve de exemplo para diversas pessoas e crianças com deficiência física.

5 - Jessica Cox

A mulher que conseguiu conquistar tudo que desejava mesmo não tendo os dois braços e surpreendeu as pessoas com sua dedicação. Jessica Cox se tornou a primeira piloto licenciada sem os braços, no mundo. Além de ser a primeira faixa preta sem braços registrada pela Associação Americana de Taekwondo. E, por mais que essas duas conquistas já pareçam o suficiente, ela ainda é uma mergulhadora certificada pela SCUBA Diver, escreveu livros e é palestrante motivacional. Sem falar de outros de seus passatempos surpreendentes.

6 - Marla Runyan

A atleta Marla Runyan é mais uma grande guerreira na qual muitos deveriam se espelhar. Ela ganhou 4 medalhas de ouro nos Jogos Paralímpicos de Verão, em 1992, depois de seu salto a distância e de correr nas provas de 100, 200 e 400 metros. E, além disso, ainda participou de competições contra pessoas não deficientes, como nos jogos Pan-americanos de Winnipeg, em 1999, adquirindo a medalha de outo na corrida de 1.500 metros. Marla conseguiu todas essas conquistas, por incrível que pareça, mesmo sendo cega.

7 - Mandy Harvey

Com a ajuda de uma intérprete, Mandy Harvey se apresenta aos jurados do America"s Got Talen e faz com que eles se surpreendam ainda mais com o seu talento. A cantora que tocou o coração de muitos telespectadores que assistiam ao programa perdeu a sua audição aos 18 anos devido uma doença. Ela cantava desde os 4 anos de idade e não desistiu dos seus sonhos por conta de sua deficiência auditiva. E, para que isso fosse possível, Mandy utiliza a vibração do som para se guiar.

Todas essas pessoas são grandes exemplos de superação. Elas conseguiram alcançar seus sonhos mesmo portando alguma deficiência e conseguiram o que poucos alcançariam nos seus lugares. O que acharam? Já conheciam esses exemplos ou conhecem outros que deveriam estar na lista?

Natália Pereira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+