Algumas pessoas realmente escolheriam salvar a vida de um cão do que a sua própria. Você seria uma delas? Em que medida nós teríamos a coragem de correr sérios riscos de vida em prol de nossos animais de estimação? Segundo estudos recentes, as pessoas amam seus cães como seus próprios filhos. Não é à toa que existem inúmeras casos em que um cãozinho em perigo despertou o senso de proteção (extremo) de seus donos. E, infelizmente, a vida pode ser injusta a ponto de trocar seis por meia dúzia. Ou seja, acabar tirando a vida de quem tanto queria proteger um serzinho indefeso. Com essa lista, trouxemos 7 pessoas que morreram tentando salvar o seu animal de estimação.

Os relatos podem lhe inspirar ou até mesmo causar um certo desconforto. As pessoas que morreram tentando proteger seus "filhos" fariam diferente se soubessem do que as aguardava?

1- David Allen Kirwan

Era verão de 1981. David Allen Kirwan estava no Parque Nacional de Yellowstone com seu amigo Ronald Ratliff. Além disso, um cachorro dinamarquês chamado Moosie era o animal de estimação de David e também passeava pela região com ambos os homens. Mossie ficara animada e correu em direção ao Celestine Pool, uma fonte termal que está acima de 93º C.

Ronald hesitou em pular, mas David correu em direção à água com o objetivo de resgatar o animal. Um espectador tentou salvar sua vida gritando: "Não vá lá!" David respondeu: "É claro que eu vou". Em seguida, o homem mergulhou de cabeça nas águas quentes. Ele tentou salvar Moosie, mas a água começou a fervê-lo vivo. Fora levado ao hospital, mas morreu no dia seguinte.

2- Donald Langford

Donald sentia uma conexão quase familiar com a cadelinha de um vizinho chamada Bella. Um dia, em março de 2017, os seus vizinhos e ele estavam consertando um caminhão em um celeiro. Bella estava dormindo em algum lugar próximo. Faíscas de fio elétrico misturaram com gasolina, o que começou um incêndio no local.

Os três homens correram e ligaram para o 911. No entanto, Donald lembrou que Bella ainda estava lá dentro. Ele correu para o celeiro em chamas e a encontrou. O único problema era que as chamas tinham consumido todo o caminho de volta.

Publicidade
continue a leitura

Os amigos tentaram tirar Donald de lá, mas acabaram indo ao hospital por inalar muita fumaça. Quando os bombeiros chegaram e apagaram as chamas, encontraram Donald segurando Bella. Os dois morreram juntos. Essa é uma das pessoas que morreram tentando salvar o seu animal de estimação.

3- Jacqueline Watts

Jacqueline Watts era uma mulher de 33 anos, que dirigia uma organização de voluntários e criava muitos cães e coelhos abandonados no sul de Indiana. Um desses cães se chamava Ringo. Ele era cego e surdo. Poucas pessoas estariam dispostas a criar um cachorro com tantas necessidades especiais, mas Jacqueline aceitou o desafio.

Infelizmente, Ringo desapareceu enquanto estava sob seus cuidados. Ela colocou cartazes por toda a cidade e, freneticamente, foi à procura do cachorro. Em março de 2017, apenas alguns dias após o desaparecimento de Ringo, Jacqueline nunca mais voltou para casa. Seu corpo foi encontrado em um banco de areia no meio de um rio. Seu carro estava estacionado nas proximidades.

As chaves ainda estavam na ignição e o motor estava em marcha lenta. Sua família e amigos sabiam que ela havia saído de casa para procurar o cachorro. Então, eles só podiam supor que ela tinha visto Ringo e estava tentando salvá-lo quando morreu.

4- Evan Currie

Em junho de 2017, a família Currie estava dirigindo seu barco ao redor do lago Erie, norte de Ontário. Eles ligaram o barco em uma tomada elétrica para que pudessem ter energia a bordo. O cachorro da família pulou na água para nadar e as coisas desandaram. Isso teria sido perfeitamente normal, exceto que todos notaram que o animal estava começando a se afogar.

Publicidade
continue a leitura

Jeffrey Currie pulou na água para salvá-lo, mas também começou a se afogar. Em vez de perguntar por que isso estava acontecendo, o filho de 19 anos de Jeffrey, Evan, e seu irmão pularam na água para salvar seu pai e seu cachorro. Agora, três homens e um cão estavam todos se afogando.

A sra. Currie foi a única que percebeu o que estava acontecendo. Todos estavam sendo eletrocutados. Ela rapidamente desligou o barco da tomada, mas o pior já tinha acontecido. Jeffrey e seu filho conseguiram sair vivos. Entretanto, Evan estava tão determinado a salvar o cão que acabou se afogando com ele. Essa é uma das pessoas que morreram tentando salvar o seu animal de estimação.

5- Lucas Hermenegildo

Dia dos Namorados é um dia para celebrar aqueles que você ama. Para Lucas Hermenegildo, isso incluía sua esposa e três cachorros. Todos caminhavam juntos ao longo do Aqueduto da Califórnia, que fornece água potável para as cidades de todo o estado.

O aqueduto é pavimentado com concreto e leva até um rio artificial de água corrente. Enquanto nadar não é permitido, muitas pessoas gostam de pescar fora da borda. Um dos cachorros de Lucas começou a descer o concreto. Apavorado que o cão pudesse se afogar, Lucas foi em direção à água para pegar o filhote.

Contudo, Lucas perdeu o equilíbrio e caiu na água. O cachorro subiu a calçada sozinho, totalmente ileso. Lucas foi arrastado pelas águas velozes do aqueduto. Após 15 minutos, ele foi resgatado. Infelizmente, já era tarde demais. Lucas Hermenegildo foi declarado morto em 14 de fevereiro de 2017.

Publicidade
continue a leitura

6- Rebecca Hastie

Em novembro de 2017, a senhora Rebecca Hastie, amante de cães, estava dando um passeio em Columbus/Georgia, quando ouviu o som de um cachorro gemendo de dor. Alguém havia acertado o filhote com alguma coisa e ele estava deitado na beira da estrada. Hastie ficara com o cachorro, tentando fazer o que pudesse para salvar sua vida.

Duas outras pessoas viram o que estava acontecendo e ligaram as luzes de emergência de seus carros. Um deles estava estacionado na lateral. Por alguma razão, o segundo pedestre decidiu estacionar seu caminhão no meio da rua. O caminhão também tinha suas luzes piscando.

Na sequência, um homem de 38 anos dirigia um Hyundai, quando notou o caminhão no meio da rua. Frustrado e distraído, o motorista não viu o outro carro da lateral e decidiu passar pela mesma região. Ele bateu nas três pessoas, no cachorro e no segundo carro.

O acidente atingiu o caminhão Dodge, que caiu em uma vala próxima. Rebecca Hastie e o cachorro foram mortos. Os outros dois benfeitores acabaram no hospital. Essa é uma das pessoas que morreram tentando salvar o seu animal de estimação.

7- Clifford Lee Staley

Em outubro de 2017, Clifford Lee Staley, de 49 anos, estava andando com seu buldogue e Shiba Inu por uma estrada movimentada em Hagerstown, Maryland. Este não era o lugar típico em que as pessoas andam com seus cachorros. Alguém que morava perto achou muito estranho. Ligou para o 911 e alegou que Staley havia batido em sua porta e estava rondando a propriedade.

Um dos cães de Clifford, o Shiba Inu, entrou na rua. Uma minivan bateu no cachorro e seu corpo caiu no meio da estrada. Clifford correu em direção ao cachorro ferido e acabou sendo atingido por outro veículo. Ambos acabaram morrendo no local. Contudo, o bulldog foi levado para a Humane Society do condado de Washington.

Publicado em: 04/07/19 19h59