8 comportamentos animais que são totalmente perturbadores

POR Natália Pereira    EM Mundo Animal      23/03/18 às 17h11

Cada espécie animal possuí suas próprias características e comportamentos específicos. E são exatamente esses pontos únicos e divergentes, de cada um, que os tornam tão especiais. Apesar de mantermos alguns pontos em comum com os demais animais, são as nossas diferenças que fazem com que as coisas sejam exatamente como são. Mas, essas pré-denominações nem sempre correspondem a realidade. Alguns animais tem ido contra tudo que pensávamos a seu respeito e chocado especialistas.

Depois de analisar a atitude de alguns animais, muitos acabaram percebendo que estes não tem se comportado como de costume em alguns momentos. O universo parece estar em desordem e esse fato tem se refletido em algumas espécies, e isso pode modificando completamente a visão que temos a respeito deles. O fato é que, das 8,7 milhões de espécies estimadas no planeta, cerca de 7 milhões delas permanecem completamente desconhecidas pela humanidade. E, ainda assim, aquelas que conhecemos permanecem um mistério. Esses animais conhecidos tem apresentado uma atitude peculiar e perturbadora.

1 - A reviravolta da centopeia

Um caso consideravelmente estranho envolvendo uma cobra e uma centopeia, deixou os biólogos confusos em 2013. Apesar de ambas terem morrido ao final de sua disputa, a centopeia mostrou uma reviravolta incrível e inesperada. As duas foram encontradas pelos especialistas de Golem Grad, na Macedônia, quando já estavam mortas, mas o mais interessante foi o que eles descobriram depois. Quando encontraram a cobra, ela estava com a parte inferior arrancada e a centopeia estava parcialmente fora de seu corpo.

Depois de buscarem uma resposta para a situação que encontraram, eles descobriram que a cobra havia tentado se alimentar da centopeia, o que não deu muito certo. Depois que a presa já estava dentro de seu corpo, de alguma forma, ela acabou comendo parte do seu predador por dentro, na tentativa de sair do seu interior. O ato de resistência do animal não é comum e gerou algumas perguntas. Além disso, a cobra era 5 centímetros maior que a centopeia. Infelizmente, quando estava prestes a se livrar, o veneno da cobra acabou a levando para a morte.

2 - Leão com convulsão

O problema, por incrível que pareça, acaba atingindo até mesmo grandes animais como os leões, mesmo que não seja assim tão comum. Aparentemente, a doença canina 'Cinomose' acabou atingindo o Parque Nacional Serengeti em 1994 e a Área de Conservação de Ngorongoro em 2001. A epidemia fez com que 1/3 dos leões locais morressem.

3 - Vaca se alimentando de um pintinho

Desde pequenos, quando aprendemos um pouco mais sobre os animais, passamos a classificar as vacas como animais herbívoros. E, depois de assistir esse vídeo, você provavelmente vai começar a se questionar sobre toda e qualquer ideia previa que tenha. Esse vídeo, gravado na Índia, mostra uma vaca se alimentando de um pintinho. E, depois de casos assim começarem a acontecer com mais frequência, especialistas acabaram descobrindo que o fato não era algo isolado, nem acidental. Ao que tudo indica, as vacas, assim como os veados e ovelhas, acabam se alimentando de aves quando a vegetação não lhes proporciona a quantidade necessária de cálcio e fósforo.

4 - Morcegos perseguidores

Os morcegos não desistem de sua "presa" facilmente. A espécie deste animal conhecida como Morcego-vampiro pode ser um verdadeiro perseguidor. Se você se encontrar com um desses próximo a locais que frequenta, é melhor se preparar. Depois de atacarem seu alvo, e esse escapar, eles voltaram a fazê-lo assim que te reconhecerem novamente. Apesar de não enxergarem bem, eles conseguem te identificar por meio de sua respiração.

5 - Transtorno comportamental em animais de cativeiro

O problema que ficou conhecido como Zoochosis é, na verdade, uma espécie de transtorno comportamental. Relatos da doença foram apresentados em animais de cativeiros de diversos locais ao redor do mundo. Os animais com o problema apresentam sintomas variados que vão desde se balançar para frente e para trás, morder as gaiolas, se agredir e comer a própria matéria fecal. Especialistas acreditam que ela seja causada por um auto nível de estresse.

6 - Prevendo desastres naturais

Muitos relatos de animais com a capacidade de prever desastres naturais já foram relatados. Antes de acontecimentos catastróficos, como tsunamis e terremotos, por exemplo, algumas espécies acabam apresentando um comportamento incomum. Alguns deles chegam a fugir para locais mais altos ou se esconderem. E, apesar de não se saber ao certo como isso acontece, alguns especialistas acreditam que isso possa estar relacionado a maior sensibilidade a frequências magnéticas e ao olfato mais desenvolvido.

7 - Orangotango fumante

O vício pelo cigarro parece não atingir apenas os humanos e a prova disso é o Tori, um orangotango de um zoológico indonésio. O vício dá fêmea parece ter se mantido por cerca de 10 anos e começou depois que alguns visitantes descuidados jogaram pontas de cigarros na jaula do animal. Depois de um tempo, o desejo de Tori por seu cigarro ficou tão grande que ela passou a fazer sinais para indicar o seu desejo.

Depois que Tori ficou grávida, os cuidadores tiveram que tomar uma providência e a levaram, juntamente com o seu companheiro, para uma jaula isolada. Depois de ter o seu filhote, que nasceu saudável, ela acabou deixando o vício para trás.

8 - Lontras estupram foca bebê

Alguns animais marinhos tem apresentado tendências violentas após frustrações sexuais. E as lontras tem seguido esse comportamento. Aparentemente, a maior parte dos parceiros sexuais do animal não são coniventes com o ato. E, um caso noticiado apresentou como as lontras na costa da Califórnia tem atacado sexualmente focas bebês. As lontras do sexo masculino se lançam contra o outro animal de forma violenta e chega a copular nele. A maioria das vítimas acaba morta depois do ato violento. E, como se isso já não fosse o bastante, alguns chegam a se acasalar com seus cadáveres por cerca de uma semana.

Esses comportamentos estranhos e incomuns que tem sido apresentados estão mudando a forma como alguns animais são vistos. Aparentemente, a muito sobre eles que não sabemos, mesmo sendo espécies conhecidas. O que acharam dos comportamentos anormais apresentados por esses animais?

Natália Pereira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+