Curiosidades

Ameba que come cérebro mata mulher nos EUA

0

Imaginem um dia você estar com sinusite e tempos depois morrer… Foi isso que aconteceu com uma mulher de 69 anos de idade que morava em Seattle, nos EUA. Na verdade, começou com sinusite, mas depois se tornou um quadro raro. Pelo fato dos sintomas da sinusite persistirem, os médicos aconselharam a mulher a fazer limpezas frequentes nas vias respiratórias.

Até aí tudo bem, todo mundo que tem sinusite já fez uma limpeza dessas. Mas, o que parecia que iria resolver o problema da mulher na verdade deixou as coisas mais complicadas. Como? A Fatos Desconhecidos conta para vocês nessa matéria.

Ameba que devora cérebro

101 600x270, Fatos Desconhecidos

Depois de começar a fazer as limpezas, a mulher teve uma infecção na via respiratória direita. Tal infecção não melhorava de jeito nenhum, mesmo com todos os cuidados. Depois de um ano tentando fechar a ferida, a mulher teve uma convulsão e teve de ser internada.

Foi aí que uma tomografia mostrou uma lesão de 1,5 centímetro no cérebro da mulher. Parecia um tumor e pelo fato de que a mulher já tinha tido câncer de mama, tudo fazia sentido. Mas ao fazer uma cirurgia, descobriram que não existia tumor, mas sim um pedaço de tecido cerebral morto. Foi então que os médicos enviaram uma amostra do tecido para análise dos neuropatologistas da Universidade Johns Hopkins. Foi então que eles descobriram que a infecção tinha sido causada por uma ameba.

1.1 43 589x500, Fatos Desconhecidos

Os médicos tentaram retirar a massa morta do cérebro e a partir de um microscópio, eles conseguiram ver as amebas entre as células mortas do cérebro. Eles resolveram tentar uma droga experimental que talvez salvasse a vida da paciente. Porém, nada pode ser feito. A infecção estava muito avançada e a mulher acabou falecendo.

1 114, Fatos Desconhecidos

Tempos depois de sua morte, os especialistas descobriram a presença de uma “comedora de cérebros” chamada Balamuthia mandrillaris. Essa criatura costuma ser fatal e, desde 1986, (quando foi descoberta) já houve cerca de 200 casos de pessoas com essa ameba. O médico suspeita que a bactéria se instalou no nariz da paciente e se espalhou para o cérebro por meio da água utilizada para lavar as vias nasais.

Então, se você sofre de sinusite e precisa fazer limpeza nas vias nasais, caro leitor, faça com soro fisiológico ou água limpa.

Este esqueleto pode ser na verdade uma raça antecessora aos humanos

Matéria anterior

Juíza perdoa R$ 48 mil em dívida de homem que abandonou tudo para cuidar de filho

Próxima matéria

Você também pode gostar

Mais em Curiosidades

Comentários

Comentários não são permitidos