• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

Conheça esse lago no fundo do mar que mata qualquer coisa que nade nele

POR Jesus Galvão    EM Natureza      08/10/18 às 17h46

A primeira coisa que vem em nossa mente quando ouvimos a palavra Jacuzzi é uma banheira quente, borbulhante a qual podemos passar um bom tempo relaxando e esquecendo os problemas da vida. Certo? Bom, talvez isso não seja mais a única lembrança para o termo que você terá em sua mente.

Um lago no fundo do mar, com concentração de sal até cinco vezes maior do que água do mar ao redor, repleto de metano e sulfeto de hidrogênio, localizado no Golfo do México,  recebeu um apelido muito carinhoso: "Jacuzzi do Desespero". Isso porque peixes e outras criaturas que se arriscam a nadar por ali acabam morrendo devido a sua composição química.

A jacuzzi do Desespero

O lago fica a cerca de um dia de barco de Nova Orleans, no Golfo do México. A 'Jacuzzi do Desespero' mede cerca de 30 metros de circunferência e cerca de 4 metros de profundidade e fica em torno de mil metros da superfície. Devido a mistura das altas concentrações de sal, metano e sulfeto de hidrogênio, a água é tao densa que não se mistura com o restante e se acumula no fundo.

Peixes e crustáceos não conseguem sobreviver a composição da água e acabam morrendo ao se arriscarem nadar na região. A explicação para o fenômeno acaba vindo por meio da história. Há milhões de anos, o Golfo do México era mais raso do que atualmente.

Conforme a água evaporava, camadas densas de sal eram deixadas para trás e  foram enterradas lentamente sob camadas de sedimentos. À medida que a pressão aumentou, esse sedimento rachava liberando a densa água salgada armazenada abaixo dele, que devido a sua composição não se misturava a água do mar.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.




Matérias selecionadas especialmente para você

Via   Curiosity  
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+