• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


De acordo com Stephen Hawking existe uma saída se você cair em um buraco negro

POR Isabela Ferreira    EM Ciência e Tecnologia      25/09/17 às 16h26

Certamente você conhece Stephen Hawking. É um dos (se não o mais) cientistas mais conceituados de nossa história atual. É um físico teórico britânico que ficou conhecidíssimo por seus estudos em cosmologia. Mantem como um de seus focos a pesquisa em torno do que chamamos de buraco negro. Existem muitas especulações a respeito desse estranho corpo celeste. Acredita-se que sua enorme força gravitacional é capaz de atrair outros astros que orbitam por perto, engolindo-os.

Mas o que aconteceria caso alguém caísse dentro de um deles? De acordo com Hawking: "Nem tudo está perdido se você cair em buraco negro - você poderia simplesmente aparecer em outro universo". Em uma palestra dada por ele em Estocolmo, na Suécia, o físico apresentou uma nova teoria, alegando que logo após algo ser sugado, passa para um local em que a gravidade comprime a matéria de forma que as habituais leis da física podem ser quebradas.

Ele disse que "se você sentir que está em um buraco negro, não se deve desistir. Há uma saída!". Tudo indica que ele foi capaz de descobrir um mecanismo pelo qual a informação pode ser devolvida do buraco negro. Sua palestra foi realizada em um instituto dedicado ao estudo sobre o que pode acontecer com as coisas que são engolidas pelo fenômeno.

Não se sabe ao certo o que acontece com o estado físico de algo que entra em um buraco negro, mas de acordo com o funcionamento do universo, tudo que cai ali dentro deve ir para algum lugar... Não faz sentido que simplesmente despareça.

O célebre físico afirma que isso pode acontecer de duas formas: a primeira consiste na formação de "hologramas" na borda do buraco, ou que os corpos atraídos por ele explodiriam em um universo paralelo, ou seja, o buraco negro seria como uma espécie de portal de uma realidade para outra. Será que é esse mesmo o segredo que rege o fenômeno?

Sua palestra foi relatada pelo blog do instituto, onde podemos encontrar algo bastante curioso dito por ele: "A existência de histórias alternativas com buracos negros sugere que isso pode ser possível. O buraco precisaria ser grande e, se estivesse girando, poderia ter uma passagem para outro universo. Mas você não poderia voltar ao nosso universo. Então, embora eu esteja ansioso pelo voo espacial, não vou tentar isso".

A mensagem que ele quis deixar foi a de que um buraco negro não é tão escuro quanto as representações que somos acostumados a ver. Também não são prisões eternas como fomos induzidos a acreditar. É possível sim que algo que entra ali consiga sair, e provavelmente, saia em outro universo.

Um pouco mais sobre buraco negro

Sempre visto como um mistério monstruoso em algum lugar do universo, acreditava-se que nada poderia escapar dele... Nem mesmo a luz. É uma região em que a matéria é praticamente infinitamente compactada. Essa seria a condição que faz com que tudo que fique muito perto, seja literalmente engolido.

Foi na década de 1970 que Stephen Hawking propôs que poderiam existir coisas capazes de se movimentar livremente fora do alcance de um buraco negro. Nesses casos, o buraco poderia absorver apenas um par de antipartícula e partícula, fazendo com que metade pudesse escapar. Essa parte carregaria consigo energia do buraco negro em forma de radiação.

Contudo, ele também alega que essa radiação acabaria sendo evaporada com o passar do tempo. Essa condição faria com que a parte que conseguiu escapar fosse desaparecendo lentamente.

E então pessoal, o que acharam? Compartilhem suas ideias com a gente aí pelos comentários!

Próxima Matéria
Isabela Ferreira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+