Pablo Diego José Francisco de Paula Juan Nepomuceno María de los Remedios Cipriano de la Santísima Trinidad Martyr Patricio Clito, ou simplesmente Pablo Picasso foi um dos artistas mais polêmicos e influentes da história da arte do século 20.

Recentemente utilizando de uma nova técnica de digitalização, pesquisadores dos nos EUA descobriram uma pintura que estava sob uma das grandes obras de Pablo Picasso, a chamada ‘La Misereuse Acroupie’. A meio da pintura de óleo, existe uma outra pintura, como o desenho de uma paisagem da cidade de Barcelona. Alguns acreditam que Picasso a teria usado como base para sua obra-prima.

Esse novo sistema de raio-x fluorescente é mais barato do que outros sistemas de digitalização de artes e é portátil. Isso torna possível que ele seja levado para qualquer outra galeria.

Os detalhes sobre a descoberta foram divulgados na Associação Americana pelo Avança da Ciência em Austin, no Texas, Estados Unidos. A La Misereuse Accroupie faz parte do chamado "período azul" de Picasso, que durou de 1901 a 1904. A cor azul era a que dominava a gama cromática de suas obras.

Publicidade
continue a leitura

"É aqui que a tecnologia nos permite entrar um pouco na mente do artista, para entender o processo criativo de Picasso e como ele efetivamente começou a produzir sua arte". Disse o pesquisador Marc Walton da Northwestern University, que estava apresentando o trabalho em Austin.

Pintura encontrada

Publicidade
continue a leitura

"Isso nos dá uma ideia melhor sobre como essa estrutura de camadas se desenvolveu, porque alguns pigmentos estão em apenas uma camada e não na outra", complementou Walton. "Picasso usou a paisagem de Barcelona como inspiração para a forma da mulher".

Francesca Casadio, do Centro de Estudos científicos nas Artes de Chicago, espera que esses equipamentos de digitalização sejam cada vez mais utilizados. Isso ajuda em uma interpretação mais profunda dos artistas e também deem uma ideia melhor sobre a forma como trabalhavam.

"Muitas outras obras estão apenas esperando para contar seus segredos e com nosso sistema digitalizado nós podemos ajudá-las a falar ainda mais conosco", disse ela.

Publicidade
continue a leitura

Até não muito tempo, a digitalização era restrita apenas a obras de arte famosas, e para as galerias mais ricas. Agora, o novo sistema pode ser usado por qualquer um para encontrar a história por trás de qualquer pintura.

E aí, o que acharam da matéria? Gosta dos trabalhos de Pablo Picasso? Comenta aí e não se esqueça de compartilhar com os amigos, lembrando que seu feedback é sempre muito importante.

Publicado em: 20/02/18 17h37