Curiosidades

Essas são as artes marciais mais antigas do mundo

0

Muitos esportes, digamos assim, fazem parte da vida das pessoas e podem trazer mais benefícios do que esperamos. Corrida, natação, futebol e, é claro, luta, são os mais populares. Quando falamos de luta, por exemplo, logo vem na mente, as artes marciais. Graças aos filmes, games e séries de TV, muitas pessoas tiveram acesso a esse tipo de esporte. No entanto, para muita gente, artes marciais são sinônimo de kung-fu, karatê, judô e jiu-jitsu. Embora sejam as mais famosas e isso é algo inegável, essas práticas estão longe de serem as únicas e, mais do que isso, as mais antigas da história.

Existem tipos de artes marciais, pouco conhecidas hoje em dia, mas ainda praticada, que remontam a mais de 5 mil anos. E foi pensando sobre isso, que resolvemos trazer essa matéria para você, caro leitor. A redação da Fatos Desconhecidos trouxe as artes marciais mais antigas do mundo. Confira conosco a seguir e surpreenda-se.

Artes Marciais mais antigas do mundo

Malla-yuddha

Essa luta possui pelo menos 5 mil anos. Segundo os historiadores, teria sido criada em 3000 a.C. e trata-se de uma espécie de wrestling indiano. As pessoas usam ténicas de agarramento, socos, sufocamento e acerto de pontos de pressão. A luta é divida em quatro categorias, cada uma com o nome de um deus hindu. Hanuman, que foca na superioridade técnica. O Jambavati, que usa a imobilização para forçar a submissão do oponente. O Jarasandha, quando um lutador busca quebrar os ossos durante a luta e Bhimani, focado na força.

Shuai Jiao

Essa luta é conhecida como “wrestling chinês” e é a arte marcial mais antiga da China. O primeiro registro do surgimento desse tipo de luta data 2697 a.C., ano em que o Imperador Amarelo batalhou contra Chih Yiu. Hoje em dia, as técnicas ainda são repassadas nas academias militares e policiais do país.

Kalaripayattu

Essa arte marcial foi criada no estado de Kerala, no sul da Índia, por volta de 1000 a.C. Ela ainda é praticada no Sri Lanka e na Malásia. Além de pancadas, agarramentos e pontapés, a luta inclui armas e métodos de cura. Existem registros sobre a luta nas Vedas, textos sagrados da religião hindu.

Pancrácio

Essa é uma mistura de boxe com wrestling. No entanto, permite ainda chutes e é considerada, por muitos, o “tataravô do MMA”. Embora tenha sido oficialmente registrada na 33ª Olimpíada, em 648 a.C., muitos especialistas afirmam que ela existe há 2000 a.C., quando era utilizada como uma técnica de guerra. Nos mitos gregos, surgiu com Hércules e Teseu, que a usaram para lutar contra o Leão de Nemeia e o Minotauro. Hoje, não é mais um esporte olímpico, mas ainda é praticada.

Taekkyon

Essa luta é um tipo de capoeira da Coreia. É considerada a forma original de todas as artes marciais da Coreia do Sul. Segundo a história, sua origem foi traçada a 50 a.C., em pinturas nas tumbas de Muyong Chong e Samcil Chong. Esses fizeram parte da Dinastia Goguryeo. A luta foi reconhecida como patrimônio cultural imaterial pela Coreia do Sul, em 1983. Já em 2011, foi considerada patrimônio cultural imaterial da humanidade pela UNESCO.

E aí, você sabia sobre isso? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos.

7 overdoses mais bizarras da história

Matéria anterior

Por que Morbius no MCU pode não ser uma boa ideia?

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos

Fatos Desconhecidos Nós gostaríamos de enviar notificações dos últimos conteúdos e atualizações que fazemos.
Dismiss
Allow Notifications