• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

Esse jornal de 1912 fez uma previsão estranha sobre os tempos modernos

POR Mateus Graff    EM História      22/08/18 às 14h16

Em janeiro deste ano fizemos uma matéria com as 7 previsões assustadoras de Nostradamus para 2018, e parece que apareceu outra previsão para os dias atuais, só que dessa vez feita por um jornal. Essa previsão fala sobre a mudança climática, que refere-se à variação do clima em escala global ou dos climas regionais da Terra ao longo do tempo.

Não é nenhum segredo que o mundo está sofrendo as consequências da mudança climática, certo? Essa previsão foi feita por um jornal ainda em 1912, e parece que eles realmente previram o problema da mudança climática que estamos passando hoje em dia. Como foi essa previsão? A gente conta mais detalhes para vocês.

Previsão feita em 1912 pelo "Rodney and Otamatea Times"

O jornal falou sobre a queima de carvão que libera dióxido de carbono e, consequentemente, prejudica a nossa atmosfera. No artigo também é dito que isso causará o aquecimento global. Para e época, essa é uma grande previsão do que acontece hoje, já que as temperaturas não param de subir.

O artigo foi publicado exatamente no dia 14 de agosto de 1912, há mais de cem anos. O jornal em questão é o Rodney and Otamatea Times, e o artigo foi publicado na seção "Science and News Notes". A mesma notícia também foi publicada em um nornal australiano e na revista Popular Mechanics.

Eles alertaram sobre o uso indiscriminado dos combustíveis fósseis. Em um certo ponto foram escritas as seguintes palavras: "os efeitos serão consideráveis em alguns séculos". E parece que eles estavam realmente certo pelo fato de que passado pouco mais de um século, já podemos sentir tais consequências.

O artigo diz o seguinte: "As fornalhas do mundo agora estão queimando cerca de 2.000.000.000 de toneladas de carvão por ano. Quando [essa quantidade] é queimada, unindo-se com oxigênio, adiciona cerca de 7.000.000.000 de toneladas de dióxido de carbono na atmosfera anualmente. Isso tende a tornar o ar um cobertor mais eficaz para a Terra e elevar sua temperatura. O efeito pode ser considerável em alguns séculos".

Uma ideia que já vinha sendo discutida, mas o aviso não serviu para nada

Mas o fato é que essa ideia já estava na consciência coletiva dos queimadores de carvão em todo o mundo há décadas. Para falar a verdade, o New York Times traça a discussão científica do efeito do carvão em nossa atmosfera desde a década de 1850.

E será que esse aviso serviu para alguma coisa? Só para vocês terem uma ideia de como nada mudou, em 2016 o mundo consumiu mais de 5,3 bilhões de toneladas métricas de carvão.

Bom, as consequências estão matando o mundo e as pessoas que aqui habitam, mas como podemos ver, não foi por causa de aviso. Mas e você, o que acha dessa previsão feita em 1912? Acha que o homem realmente não tem jeito e em algum momento esse mundo ficará inabitável? Comenta aqui pra gente!

Próxima Matéria
Via   Vix     Science Alert  
Imagens Ecoa IFL Science
Mateus Graff
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+