Ciência e TecnologiaCuriosidades

Isso é o que pode acontecer se você não trocar suas roupas íntimas por mais de um dia

0

No imaginário fantástico de Doug Funny, talvez fosse possível que o Capitão Codorna, que usava uma cueca mesmo por cima das calças, não trocasse nunca suas roupas íntimas. Que é preciso trocar suas roupas íntimas todos os dias, de preferência mais de uma vez é algo tão óbvio que nem deveria ser comentado, afinal é uma simples questão de senso e higiene.

Nos quadrinhos é quase tudo permitido agora, por favor, falemos de vida real. É fato que isso já aconteceu com todo mundo pelo menos uma vez na vida, e não adianta negar, você sabe que sim. Desde crianças teimosas que não querem tomar banho, passando pelos jovens que passam dias em festas até os adultos que muitas vezes trabalham mais horas que as que tem de sono.

Não se preocupe, ninguém está aqui para julgar, mas a questão é que se não houver a troca dessa peça por um número suficiente de vezes as consequências podem ser graves.

Necessidade

1928

As roupas íntimas são o habitat ideal para bactérias, por serem locais escuros e úmidos, a proliferação de bactérias, que são comuns em nosso organismo, pode se alterar de maneira descontrolada se não houver o cuidado adequado, podendo causar, na maioria das vezes, irritações e mais.

 

Risco Excessivo

Back_Undies_Shirt_1024x1024

Tenha em mente que as bactérias vivem nesse ambiente totalmente acolhedor, após um determinado período elas podem se transferir para a pele do hospedeiro, fazendo com que essa área fique irritadiça, causando variados tipos de coceira. Existem aqueles que dizem que trocar as roupas íntimas muitas vezes é anti-higiênico e faz com que o corpo perca certos aromas agradáveis.

No entanto, o que precisamos ter em mente é que as áreas genitais são propensas a excessos de bactérias, então por que se arriscar a incentivar essa perigosa criação e proliferação de esporos, ainda mais sabendo que é algo tão simples de evitar?

Casos mais graves

Se, por acaso, você estiver com essa área infectada e começar a coçar, e muito, as chances de provocar uma irritação intensa é grande, e feridas irão aparecer. No começo essas saliências estarão parecidas com erupções causadas pelo calor, mas se não forem cuidadas poderão se tornar feridas abertas, ou seja, mais uma porta de entrada para as mais diversas bactérias e vírus no seu organismo.

Para que essas feridas cicatrizes é preciso que deixá-las ao ar livre, literalmente. É um processo lento, é muitas vezes doloroso, em alguns casos é necessário ir a um dermatologista e aplicação de pomadas. E todo esse incomodo pode ser evitado com um simples ato, o de trocar as roupas íntimas com frequência.

20130729_175219_zps5b51aec6

Uma observação importante é a de que muitos ginecologistas aconselham as mulheres a dormirem sem peças íntimas, isso porque a como muitas vezes elas são apertadas não permitem a ventilação necessária da área. E sempre que possível, tomar sol, um tempinho como dez minutos de banho de sol nas partes íntimas já é o suficiente para matar 90% das bactérias presentes. Lembrando que deve ser aquele sol das 10h da manhã e depois das 16h.

 

Pois é pessoal, desnecessário né? Convenhamos que, não só tomar banho, mas trocar as roupas íntimas todos os dias, pelo menos uma vez por dia é uma questão indispensável para a higienização das partes.

Para que serve aquele cilindro preto no fio dos carregadores?

Matéria anterior

15 coisas que só quem tem uma visão horrível vai entender

Próxima matéria

Você também pode gostar

Comentários

Comentários não são permitidos