Lembra do bebê fumante da Indonésia? Veja como ele está 8 anos depois

POR A redação    EM Curiosidades      30/09/15 às 18h09

Atualmente, é muito difícil uma pessoa que não saiba que fumar é prejudicial à saude. Muitos pessoas começam a fumar desde cedo, assim como foi o caso de Ardi Rizal. Ele ficou amplamente conhecido como o fumante mais jovem do mundo.

Quando a mídia soube de sua história Ardi Rizal, era um bebê de dois anos que fumava 40 cigarros por dia! Ele mora na Indonésia. Ardi batia a cabeça na parede, ficava irritado e às vezes ficava doente quando ele não ganhava cigarros para fumar.

Ardi fumava que nem uma pessoa adulta, o que surpreendeu e chocou muitas pessoas. Ele soprava anéis de fumaça e fumava cigarros em minutos. Ele nunca era visto sem um cigarro. Ele fumava todos os dias sem nenhuma exceção.

29

Você ficará chocado ao saber que, o hábito de fumar de Ardi custava para seus pais 5 dólares por dia. Isso é uma quantia considerável na Indonésia. Quando perguntaram para o pai de Ardi, sobre seu hábito de fumar há 8 anos atrás ele disse: 'Ele parece muito bem e saudável para mim. Eu não vejo nenhum problema."

Depois que ganhou a atenção da mídia, a família de Ardi começou uma luta para tirar o menino do vício em cigarros. Em 2010, o garoto estava com 5 anos de idade e tinha praticamente vencido o vício. Entretanto, ele adquiriu outro problema: a obesidade. Ele trocou sua vontade de fumar por uma vontade constante de comer, o que o tornou uma criança com obesidade mórbida.

30

Assim, começou uma nova luta na família de Ardi: a luta contra a obesidade. O menino foi submetido a tratamentos médicos e psicológicos para que seus vícios pudessem ser extinguidos. O resultado de 8 anos de vícios e tratamentos levou a uma criança recuperada. Com 10 anos de idade, o garoto agora tem rotinas condizentes com sua idade, vai a escola, tem refeições balanceadas e conseguiu emagrecer.

Tabagismo

De acordo com a Organização Pan-Americana da Saúde, o tabagismo é o responsável por 30% das mortes de câncer, 90% das mortes por câncer de pulmão, 25% das mortes por doenças do coração, 85% das mortes das doenças pulmonares e 25% das mortes por derrame cerebral.

O cigarro mata mais de 3 milhões de pessoas no mundo anualmente. Estima-se que até 2030, 10 milhões de pessoas vão morrer vítimas do cigarro.

A redação
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+