Fatos NerdNotícias

A Maldição da Chorona ganha primeiro trailer assustador

0

James Wan se envolveu com terror de tal forma que hoje ter seu nome relacionado a obras do gênero atrai milhares de espectadores. E não é para menos. Wan construiu uma carreira sólida no meio, impulsionada pelo aclamado Jogos Mortais, em 2004. Seu nome brilhou de vez ao levar para o cinema Invocação do Mal, em 2013. O sucesso foi tanto que ele conseguiu transformar o filme numa franquia de filmes. E não parou mais.

O gênero voltou cheio de moral e com espaço de sobra nas salas de cinema ao redor do mundo. Depois do sucesso de A Freira, a Warner Bros. irá lançar mais um longa com o selo James Wan de produção. A novidade da vez é A Maldição da Chorona, história com bastante alusão à lenda mexicana conhecida como La Llorona.

A história é ambientada na cidade de Los Angeles da década de 1970, quando uma mãe e seus dois filhos se veem alvos de uma entidade sobrenatural conhecida como Chorona. Envolvida num mundo que não conhece, ela procura a ajuda de um padre desiludido, o qual pratica as artes do misticismo para manter o mal afastado. Confira o primeiro trailer do filme logo abaixo.

Dirigido por Michael Chaves, A Maldição da Chorona estreia dia 18 de abril de 2019.

A lenda da La Llorona

Também conhecida no Brasil como A Mulher da Meia-Noite, essa figura faz parte do folclore mundial e sua origem possui inúmeras variações. A versão mexicana, na qual o filme será baseado, conta a história de Maria, uma moça pobre, porém bela, que vivia num vilarejo rural. Certa vez, um viajante ficou tão encantado com sua beleza que logo a propôs em casamento. Afeiçoada por ele, Maria aceitou o pedido. O pai do homem não viu o casamento com bons olhos, pois o filho vinha de família mais afortunada. Os dois, então, foram morar no vilarejo para fugir do desgosto do pai.

Depois de um tempo, Maria deu à luz a um casal de gêmeos. Mas seu marido viajava com frequência e, quando retornava, só tinha atenção para as crianças. Certa vez, ele partiu e nunca mais voltou. Um dia, andando com os filhos na beira do rio, ela avistou uma carruagem familiar. Dentro estava uma moça mais jovem e bonita que ela, sentada ao lado de seu marido. Cega de raiva, Maria enlouqueceu e jogou seus filhos no rio. Quando voltou a si e percebeu o que havia feito, se atirou na água na esperança de encontrar os corpos das crianças.

Desde então é dito que ela passa a eternidade no rio, a procura do que perdeu. Reza a lenda que quem ouve seu choro precisa correr na direção oposta. Com crianças a situação é ainda mais perigosa, pois Maria as sequestra. Assim, na crença de que são seus filhos, ela afoga as crianças. Seu lamento é constante e, por isso, o apelido de La Llorona – ou A Chorona.

A lenda dos Ningen, criaturas jamais vistas do Ártico

Matéria anterior

Conheça Mae Jemison, a primeira astronauta negra a ir para o espaço

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos