Entretenimento

Neymar e as vaias mesmo sendo campeão francês

0

No dia 23 de abril (sábado), o Paris Saint-Germain (PSG) foi campeão francês pela oitava vez em 10 temporadas. Apesar do título, o clima nas arquibancadas foi de protestos, em especial contra Neymar.

O título com quatro rodadas de antecedência não foi suficiente para estancar a sangria deixada pela eliminação na Liga dos Campeões. Não há mais conversa, os torcedores franceses querem conquistar a Europa e aumentar o peso da camisa vermelha-azul. Para isso, estão dispostos a tudo, até mesmo pedir a cabeça de um dos maiores astros do futebol mundial.

Fonte: Goal.com

Título constrangedor

A princípio, o ambiente de festa parecia pronto. Isso porque o PSG enfrentaria em casa o modesto Lens pela 34ª rodada do Campeonato Francês, podendo se consagrar campeão mesmo com um empate. Além disso, a torcida do clube de Neymar estava presente em massa, o que empolgava ainda mais os Les Rouge-et-Bleu.

Porém, o clima começou a mudar aos 30 minutos do segundo tempo. Nessa minutagem, os “ultras”, maior torcida organizada do time, debandou do Parque dos Príncipes, em um movimento que claramente foi visto pelos atletas. A prova disso é que a equipe parisiense, que vencia por 1 a 0 com gol de Messi, deixou o time visitante chegar ao empate.

Apesar do resultado igualitário, o PSG abriu 13 pontos de vantagem para o Olympique de Marseille e se tornou campeão da liga francesa pela décima vez (oito delas nos últimos dez anos). Sendo assim, restava aos jogadores esperar a partida acabar para comemorar com os torcedores comuns que ficaram até o final.

No entanto, após o apito final, os “apoiadores” começaram uma onda de vaias interminável. Logo, coube aos atletas comemorarem entre vaias, e o sistema de som do estádio cobriu os protestos com palmas falsas. Mas a encenação não escondeu a visível decepção da torcida com Neymar e companhia.

Fonte: Bertrand Guay / AFP

Neymar: o principal alvo

Definitivamente, o craque brasileiro foi a maior aposta do PSG desde que o clube passou para as mãos da família real do Catar, em 2011. Afinal, seu passe custou 222 milhões de euros (1,1 bilhão de reais) aos cofres do time em 2017. De lá para cá, foram 11 títulos com a presença de Neymar no esquadrão, mas nenhum deles é a Liga dos Campeões.

Inclusive, o brasileiro não marcou nenhum gol na última edição da competição continental, evento que nunca teve precedentes em sua carreira. Portanto, na cabeça da torcida, o investimento não valeu a pena, e o mercado respalda o sentimento dos fãs.

Nos dias atuais, o valor de mercado do craque é 90 milhões de euros (465 milhões de reais). Ou seja, após cinco anos de PSG, ele vale menos que a metade da quantia paga ao Barcelona. Sem dúvidas, é um prejuízo enorme, que poderia se amenizar com atuações históricas ao lado de Messi e Mbappé.

Todavia, as tensões entre Neymar e a arquibancada não se restringem às questões dentro das quatro linhas. Afinal, sua perseguição também tem como motivo as festas que ele organiza, as suspensões juvenis e as curtições durante os períodos de lesão. Basicamente, são fenômenos da vida pessoal do atleta que dizem respeito somente a ele, porém, a torcida não entende bem assim, ainda mais quando o atleta dá a entender um certa vontade de voltar ao Barcelona.

Fonte: @neymarjr / Instagram

Respostas

Agora, a novidade é que o craque de 30 anos está respondendo às vaias e aos cartazes pedindo que ele saia. Após a cena no Parque dos Príncipes, ele veio a público dizer: “ainda tenho contrato com o Paris Saint-Germain, que é por mais três anos. Estou aqui com as vaias que eles mandam contra nós.”

Apesar das palavras, não se sabe até quando Neymar vai aguentar este clima hostil. Precisamos lembrar que ele ainda tem muito cacife para recomeçar sua jornada em um outro gigante europeu. Talvez o impeditivo dessa mudança é o fato da França não utilizar o instrumento da multa rescisória. Ou seja, não há um valor para se pagar. Em síntese, a sua saída precisará ser uma decisão consensual entre o jogador e a diretoria, pois se dependesse só da vontade da torcida, esse processo já teria acontecido.

Fonte: R7.

Casal inova e faz chá revelação no aeroporto de Brasília

Matéria anterior

Justiça suspende show do cantor Wesley Safadão no Maranhão

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos