Entretenimento

Por que 3 da manhã é considerada a hora da besta?

0

Você já deve ter visto em diversos filmes de terror o foco em um relógio qualquer mostrando que são 3 da manhã, e um pouco tempo depois você leva um susto. O fato é que esse horário é considerado por muitos estudiosos sobrenaturais, a hora em que os demônios estão na terra e é nesse momento em que as pessoas estão mais propensas a sofrerem seus tormentos.

Mas por que 3 da madrugada? Bom, muitos creem que é porque as 3 da tarde foi o horário da morte de Cristo, e fez com que esse horário se tornasse uma hora simbólica de Jesus. Transformando então três da madrugada um oposto, resumindo uma hora maligna. Como se já não fosse ruim o suficiente acordar de madrugada, acordar as 3 da manhã se tornou um sinal de muito desagrado para muitas pessoas.

Existem diversos relatos na internet de pessoas que viram acontecerem algo estranho por volta das 3 da manhã. Alguns deles falam sobre objetos que se moveram, paralisia do sono, visões horríveis, batidas e até corpos invisíveis.

Relatos

3 da manhã

Muitas pessoas afirmam ter sentido presenças misteriosas durante o sono em certos momentos da noite, tendo um sentimento de medo e terror. Devido ao grande número desses ataques quando estão dormindo, muitas pessoas não desligam a luz durante a noite. Para muitos, este é um exemplo claro de ataques demoníacos. As pessoas acordam no meio da noite incapazes de se mover e sentindo uma presença escura sobre elas. Isso normalmente tem uma relação direta com a “paralisia do sono”. A menos que a vítima quando observa o relógio pode verificar que o horário é “3h00”. Se esse for o caso, então algo realmente aterrorizante e perigoso estaria acontecendo.

E aí, o que acharam da matéria? Comenta aí e não se esqueça de compartilhar com os amigos, lembrando que seu feedback é sempre muito importante.

Qual a cor desse tênis, rosa e branco ou azul e cinza?

Matéria anterior

Esse enigma só pode ser resolvido por quem tem mais de 140 de QI. Você é capaz?

Próxima matéria

Comentários

Comentários não permitidos.

Você pode gostar