Entretenimento

Quando um menino responde como é sua relação com seu professor todos enchem os olhos d’água

0

Você gostava de ir para a escola? Normalmente pessoas mais novas odiavam a escola e seu professores. Mas para Javier Castellano era diferente. Quando um juiz o pediu para descrever sua relação com um dos professores, toda a sala fica comovida.
Javier nasceu na Argentina mas se mudou para barcelona após terminar o seu curso. Ele tinha um belo trabalho, ganhava muito bem e viajava muito.
Mesmo com tudo isso, ele tinha um sentimento que faltava algo. Aos 34 anos de idade ele retorna para Argentina, compra um campo de 11 hectares e uma casa de pedra em uma aldeia com apenas 50 habitantes.


Ele não conhecia ninguém, então ele se aproximou da escola rural onde existiam 16 anos e um único professor que ensinava todas as matérias e também era o diretor da escola. As crianças eram de família humilde e estavam na mesma classe independente de suas idades, “quando vi que o governo lhes tinha enviado alguns computadores, mas ninguém sabia usá-los, eu disse: ‘Bem, não se preocupe, eu posso vir ensinar, eu não preciso de ser pago”, diz Javier.
Foi ali enquanto ele quebrava o galho de um professor de informática, que ele conheceu Gabriel. Um menino de 5 anos que tinha tido uma vida difícil, ele morava sozinho com sua avó. Javier, comovido com a história dessa família, deu um presente de aniversário para Gabriel, que até ali nunca teria comemorado nenhum aniversário. O que mais tocava Javier era que a criança, apesar de todas as dificuldades, era um menino alegra e com um bom espírito.


Um tempo depois a avó do menino foi diagnosticada com câncer. O que ocasionou logo após a morte da senhora. Um comitê se reuniu par a decidir o futuro da criança, que não tinha mais ninguém para cuidar dele. Quando ninguém mais quis se pronunciar, Javier se ofereceu para cuidar do menino.

Embora eles não tivessem mesmo laços de parentesco, ninguém da vila poderia negar que eram bem próximos. A lei Argentina não permite que o tutor adote a criança sob seus cuidados, por isso, quando a tutela terminou e Gabriel tinha 11 anos, tudo parecia que iria desmoronar. A única saída era esperar a resposta do juiz.


No dia do julgamento até os pais biológicos do menino afirmavam que o melhor era ele continuar vivendo com Javier. O momento mais emocionante do julgamento foi quando Gabriel deu sua declaração. Com o rosto cheio de lágrimas, ele explica o porque que ele não queria se separar de seu “Pai-professor”, que tinha vindo do nada para viver na aldeia, mas abriu um mundo de oportunidades para ele. O juiz demorou um pouco para liberar. Mas quando disseram sua decisão final, todos ficaram em lágrimas: Javier poderia adotar Gabriel! E assim, numa aldeia tranquila da Argentina, Javier começou a maior aventura de sua vida: ser pai!

E ai, o que acharam dessa história? Comenta ai  e não esquece de compartilhar com os amigos.

7 atores que quase foram demitidos do filme em que atuavam

Matéria anterior

Wolverine se transforma em Venom em nova minissérie da Marvel Comics

Próxima matéria

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.