Curiosidades

Robô de xadrez quebra dedo de menino de 7 anos durante partida

0

Jogos de tabuleiro estão entre as formas de competições mais antigas do mundo. O xadrez é um exemplo claro disso. Ele é um daquele jogos que se estendem por milhares de anos e faz parte de centenas de culturas. Remontando ao século VII, o jogo, até hoje, é aclamado. Além disso, é usado em testes de inteligência, estratégia e capacidade de pensar no futuro.

Contudo, não é porque o xadrez existe há milhares de anos que novas tecnologias não possam fazer parte dele. Como por exemplo, um robô que foi projetado para jogar uma partida. No entanto, esse robô foi motivo de notícia e não porque ganhou a partida.

Caso

O caso aconteceu em Moscou, na Rússia, na última semana. Um robô que foi projetado para jogar xadrez quebrou o dedo de um menino de sete anos durante uma partida.

“O robô quebrou o dedo da criança. Isso é obviamente ruim”, disse Sergey Lazarev, presidente da Federação de Xadrez de Moscou, à agência de notícias Tass.

Em um vídeo que foi compartilhado nas redes sociais, é possível ver o robô pegando uma das peças do menino. Depois disso, o menino faz o seu próprio movimento e então o robô agarra o dedo dele.

Quando isso acontece, quatro adultos correm para ajudar o menino. Felizmente, ele acabou sendo liberado e levado embora. De acordo com Lazarev, o robô já tinha jogado várias partidas anteriormente sem nenhum problema acontecer.

O incidente aconteceu durante o Aberto de Moscou, um torneio de xadrez. Mesmo com o dedo quebrado, o menino conseguiu terminar o torneio com o dedo engessado.

Xadrez

Wikipedia

O xadrez é levado tão a serio que muitos profissionais fazem, até mesmo, juramentos pelo jogo. Já os amadores dedicam horas e horas jogando apenas para passar o tempo. No entanto, poucas pessoas poderiam dizer que o jogo conseguiu salvar sua vida, como no caso do grande mestre de xadrez russo Ossip Bernstein.

Em 1917, a Rússia passou por uma grande revolução política. Essa ficou mundialmente conhecida como Revolução de Outubro. Os bolcheviques enfim derrubaram a aristocracia dominante, assim, a Rússia soviética foi fundada. A família dominante czar foi executada, isso marcou a chegada oficial do comunismo à Rússia.

Através de uma série de conflitos políticos e militares, Vladimir Lenin, líder dos bolcheviques, alcançou o poder máximo. Com isso, iniciou-se uma série de reformas no país. Os bancos foram apreendidos, as fábricas se tornaram posse do Estado e as propriedades nacionalizadas. Tudo estava mudando.

A transformação total do país foi um assunto longo e bastante sangrento. Isso levou à morte de centenas, no conflito inicial. Com o passar dos anos, centenas de milhares de pessoas morreram. As políticas de Lenin poderiam ter sido bastante benéficas para o trabalhador, contudo, havia quem o visse como uma forte ameaça. Uma tentativa de assassinato levou Vladimir a criar o Cheka. Essa era uma organização policial secreta, cujo trabalho era reduzir as ameaças do estado. Isso levaria a temida era conhecida como “Terror Vermelho”, em que o Cheka executaria friamente milhares de pessoas. Isso tudo para garantir a soberania da Rússia Soviética.

Salvou a vida

Chess

Um dos alvos do Cheka era o grande mestre de xadrez, Ossip Bernstein. O homem era advogado financeiro, ou seja, o tipo ideal de pessoa que o comunismo acreditava ser parte do problema na pré-revolução. Ele foi o principal alvo de prisão e execução, pois havia trabalhado como consultor de bancos. Ossip foi preso. O Cheka o acolheu e foram dadas ordens para que ele se apresentasse diante do pelotão de fuzilamento por seus crimes contra o Estado.

Enquanto aguardava sua execução, um oficial notou o seu sobrenome na lista. Foi uma grande surpresa ele ver o nome do homem, que havia o vencido em um torneio de xadrez na cidade de Moscou. O oficial então perguntou se ele era realmente o mestre do xadrez. Não convencido, o oficial decidiu desafiar o mestre e apostou com ele.

Eles jogariam e, se Ossip perdesse, ele seria morto pelo esquadrão de tiros imediatamente. No entanto, se ele vencesse o jogo, ele teria liberdade e poderia ir embora. Claro que Ossip conseguiu vencer o jogo em poucos minutos.

Isso porque ele era um brilhante jogador de xadrez e já havia vencido diversos campeonatos. Depois que deu um xeque-mate oficial, eles cumpriram suas apostas e o mestre foi deixado livre. Essa, então, seria a única vez da história que o xadrez salvou a vida de um homem. Ossip deixou o país imediatamente, pois não se sentia mais seguro na Rússia. Ele passou a morar na França, onde viveu até 1940.

Fonte: G1, Superinteressante

Imagens: YouTube, Wikipedia, Chess

Marvel mantém segredo sobre quem será o novo Pantera Negra

Artigo anterior

Cães são clonados a partir de células editadas, pela primeira vez

Próximo artigo