No começo de 2019, começou a surgir um boato de que One Piece ganharia uma versão live-action. Muitos já se esqueceram, mas em 2020 tudo foi oficialmente anunciado pela Netflix. Desde então, não tivemos mais nenhuma grande revelação sobre a série de 10 episódios. Contudo, ao que tudo indica, um roteiro do primeiro episódio já está entre nós.

De acordo com o site Bounding, através de uma fonte confiável, um roteiro com a data de sete de Junho de 2019 foi enviado a eles. O título do episódio é “Romance Dawn” (Amor de Madrugada, na tradução para o português), e faz referência às histórias que deram origem a One Piece.

Logo na primeira cena, somos apresentados a Loguetown, onde acompanhamos um jovem fumante. Ele está caminhando pelas ruas indo para a execução do grande Gol D. Roger. Nesse momento, o famoso quadro do mangá vai aparecer na tela, onde vemos Roger ajoelhado, prestes e ser executado.

one piece

Publicidade
continue a leitura

A primeira grande mudança com relação ao anime já acontece aqui, uma vez que dois personagens serão apresentados antecipadamente nesta mesma cena. Isso porque Kong e Sengoku aparecem ordenando a morte do pirata.

Luffy, Shanks e Zoro

one piece

Publicidade
continue a leitura

Após a cena clássica revelando a existência do One Piece, vamos conhecer Shanks e Luffy. Foosha Village, que no live-action se chamará Windmill Village, aparece com todos os personagens do início do anime. A partir disso, o episódio segue quase que totalmente o que acontece no mangá. As grandes diferenças estão em algumas falas, além de cicatriz de Luffy.

Como era esperado, a Netflix não vai mostrar uma criança esfaqueando o próprio rosto. Em vez disso, Luffy já terá a cicatriz, que estará coberta por um curativo. Nesta mesma cena, o curativo será retirado e poderemos ver a famosa marca abaixo do olho do personagem.

Agora indo para Zoro, podemos observar a maior mudança da trama até o momento. Ao que tudo indica, Luffy e Zoro serão os grandes protagonistas desde o primeiro episódio. Sua primeira aparição não será amarrado a um poste após arrumar uma briga na cidade, como aconteceu no mangá. Em vez disso, o espadachim terá uma nova cena, na qual ele aparecerá matando Mr. 7, um homem que queria recrutá-lo para seu grupo à força. Essa cena só apareceu no mangá muito mais tarde, no capítulo 190.

Publicidade
continue a leitura

Após a cena de Zoro, conheceremos brevemente Coby, Alvida e os Piratas de Alvida. Depois disso voltaremos a Zoro, onde teremos outra mudança. De acordo com o roteiro vazado, ele não entra em conflito direto os fuzileiros navais no bar Ririka, mas sim com Helmeppo, que está no bar e Zoro o agride lá mesmo. Contudo, o desafio do espadachim permanece o mesmo: ele é deixado trinta dias sem comer ou beber. Se ele sobreviver,  está livre. Em vez de um poste, a série o mostrará preso a uma cruz.

Por fim, o roteiro termina com Luffy em um barco com Coby. Vale a pena lembrar que as informações aqui descritas devem ser tratadas como um rumor, já que nada foi confirmado.

E aí, o que achou do roteiro vazado? Comenta aí e compartilha com todo mundo.

Publicado em: 21/03/20 11h34