• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

6 figuras históricas que podem nunca ter existido

POR Fatos Desconhecidos (Acervo)    EM História      23/03/15 às 19h28

A falta de registros históricos e evidências que comprovem verdadeiramente a existências de algumas pessoas importantes historicamente levam a questionar se elas realmente existiram.

De acordo com historiadores, alguns reis e filósofos podem se tratar apenas de personagens fictícios, mesmo que sejam atribuídos a eles autoria de livros, estudos, entre outras coisas. Confira quem são essas figuras:

1. Rei Arthur

King-Arthur

O Rei Arthur é um dos mais conhecidos monarcas da história. No entanto, muitos estudiosos acreditam que a sua existência não passa de uma lenda. O corajoso Rei Arthur é tradicionalmente descrito como tendo repelido um ataque Saxon na Grã-Bretanha no século V ou VI.

Mas, enquanto ele supostamente venceu uma série de 12 batalhas contra os invasores, o grande rei não é nomeado uma única vez na história contada pelos sobreviventes do conflito.

Na verdade, uma representação clara de Arthur não apareceu até o século 9. Mesmo que a representação moderna de Arthur como um cavaleiro de armadura brilhante é um mito construído por livros como Sir Thomas Malory de "Le Morte d'Arthur", alguns historiadores acreditam ainda que esses contos foram baseado em uma pessoa real.

Entre os outros candidatos, pesquisadores argumentam que a lenda do rei Arthur pode ter sido inspirado nas façanhas do rei guerreiro Ambrósio Aureliano, no monarca Riothamus ou talvez no general romano chamado Lucius Artorius Castus.

2. Pitágoras

Pythagoras

Todos nós aprendemos sobre o Teorema de Pitágoras na aula de matemática, mas uma prova semelhante não está disponível para a existência de seu homônimo. De acordo com alguns relatos, o pensador grego Pitágoras viveu durante os séculos V e VI a.c.

Ele é lembrado como um filósofo e matemático, mas nos tempos antigos era mais conhecido como o pai espiritual de um culto obcecado pela numerologia. Enquanto o ódio de Pitágoras por legumes é bem documentado, não há relatos contemporâneos significativos de sua vida.

Todas as referências ao pensador por suas idéias e famosas fórmulas vieram de seus seguidores, que se chamavam pitagóricos.

Um conto o descreve como possuidor de uma coxa de ouro, outro declara que ele era o filho do deus Apolo. Para alguns, esses mitos e contradições sugerem que Pitágoras era simplesmente um líder exagerado ou mesmo um personagem fictício inventado pelos membros de uma seita religiosa.

Mesmo que Pitágoras existisse, ele provavelmente não foi o primeiro a descobrir o seu famoso teorema, algumas evidências mostram que os egípcios podem ter descoberto a fórmula muito mais cedo.

3. John Henry

John-Henry

De acordo com uma lenda popular americana, um ex-escravo chamado John Henry competiu com uma broca de vapor em uma corrida para construir um túnel ferroviário.

Empurrando seu corpo ao limite, Henry ganhou a estreita batalha entre homem e máquina, apenas para, em seguida, entrar em colapso e morrer com sua marreta ainda na mão. Este conto de coragem e resistência mais tarde foi imortalizado na canção popular "The Ballad of John Henry" no final dos anos 1800.

John William Henry era realmente um operário que morreu durante a construção da C & O Railway na Virgínia, mas não há nenhuma prova de que ele já concorreu com uma máquina.

Além do mais, os registros mostram que ele tinha pouco mais de 1,5 metro de altura, ou seja, está longe do gigante descrito pelo conto. Outra possibilidade ainda é John Henry Dabney, um ex-escravo que trabalhava na ferrovia C & W, no Alabama.

Testemunhas alegaram que Dabney provavelmente competiu com uma broca de vapor em setembro de 1887, embora haja pouca evidência concreta disso.

4. Homero

Homer

Estudiosos têm especulado sobre a base factual para existência do poeta épico Homero, autor de  "A Ilíada" e "A Odisséia", mas o argumento não se estende apenas a ele.

De acordo com algumas teorias, o maioria dos escritores gregos não podem ter existido. Pesquisadores afirmam também que mesmo que ele tenha existido, certamente não é o único autor de suas duas obras famosas.

Apesar de ser uma figura de tanta influência, não há relatos contemporâneos da vida de Homero. Nos poucos relatos existentes, ele é frequentemente descrito como um homem cego que nasceu na ilha de Chios, mas mesmo esses detalhes são debatidos.

Essa falta de informação biográfica levou alguns a teorizar que "A Ilíada" e "A Odisséia" foram escritas por uma coleção de diferentes poetas, ou talvez tenha surgido a partir de histórias populares transmitidas oralmente através das gerações.

Se isso for verdade, Homero pode ter sido responsável pela primeira montagem das histórias em narrativas coerentes, mas ele também pode ter sido uma figura inventada como uma maneira de dar os mitos um único autor.

5. Robin Hood

Robin-Hood

Robin Hood é um personagem do folclore medieval, mas será que os contos de um bandido que roubava dos ricos para dar aos pobres pode ser comprovado?

O mais famoso bandido da floresta de Sherwood apareceu pela primeira vez em poemas e baladas, nos séculos XIV e XV. Algumas evidências históricas mostram que criminosos eram conhecidos como "Rabunhod" ou "Robehod" antes dessa época.

A maioria dos relatos literários descrevem Robin como um plebeu que liderou uma gangue de bandidos, desafiando o xerife de Nottingham. No entanto, algumas versões posteriores reformuladas falavam dele como um aristocrata-fora da lei.

Pesquisadores tentaram encontrar a identidade real do Robin Hood por séculos, mas nenhum candidato claro surgiu. A conta mais popular o descreve como um seguidor do Rei Ricardo Coração de Leão, mas outros o rotulam como o Conde de Huntingdon, ou um membro da Ordem dos Templários.

Ainda assim, um número crescente de historiadores afirmam que suas histórias se tratam simplesmente de mitos medievais que surgiram como fábulas populares sobre a resistência à opressão.

6. Licurgo

Lycgergus

Licurgo é lembrado como o homem que transformou a cidade-estado grega de Esparta em uma das potências militares mais temidas do mundo antigo. Em algum momento entre os dias VII e IX a.c.

A ele são atribuídas uma série de reformas, desde o casamento e sexo até a riqueza e educação dos filhos. Talvez a mais famosa delas dizia respeito à criação do agoge, um rigoroso programa de treinamento projetado para transformar meninos espartanos em guerreiros destemidos.

Enquanto não há dúvida de que as reformas foram decretadas, os historiadores ainda não tem certeza se o homem realmente existiu. Os espartanos não registraram a sua história por escrito.

A maioria do que se sabe sobre o seu líder mais proeminente veio mais tarde, muitas vezes de fontes descontroladamente contraditórias.

Próxima Matéria
Fatos Desconhecidos (Acervo)
Acervo, matérias feitas antes do ano de 2015.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+