Curiosidades

6 rituais de namoro mais bizarros do mundo

0

O que muitas pessoas desejam é atingir certa idade para assumir um namoro. Convenhamos que poucas coisas são melhores do que ficar de chamego com a pessoa que amamos. Hoje em dia, é um pouco mais fácil engatar em uma relação, assim como terminá-la. Está cada vez mais comum ver as pessoas começando um relacionamento sério e terminando meses depois. Os aplicativos de namoro têm possibilitado muito a vida dos solteiros. Isso porque eles usam algoritmos que identificam perfis e características que ajudam a escolher “o par perfeito”. No entanto, às vezes pode dar bastante errado, mas as consequências assumimos depois.

Aqui, no Brasil, não costumamos seguir qualquer tipo de ritual na hora de pedir alguém em namoro. Até mesmo o costume de falar com os pais está sendo deixado de lado. No entanto, existem lugares no mundo onde os pretendentes precisam passar por rituais bastante bizarros. Foi então com o pensamento sobre o assunto, que decidimos trazer essa matéria, caro leitor. A redação da Fatos Desconhecidos buscou e listou alguns desses rituais. Aproveite para compartilhar com  seus amigos desde já e, sem mais delongas, vamos lá.

Rituais de namoro bizarros

1 – Festival de namoro de Wodaabe

Wodaabe é uma tribo africana. Por lá, os homens, que irão namorar, são exibidos em um desfile. Eles valorizam a beleza e passam dias se arrumando para parecerem mais atraentes para as mulheres. Durante o festival anual de namoro “Gerewol”, o visual masculino atinge outro patamar. Eles então se vestem melhor e ficam bonitos durante o festival, que dura uma semana. Os participantes ainda participam de uma competição de dança chamada “Yaake”. As mulheres apenas observam os pretendentes, assim podendo escolher um no final.

2 – Cabana do amor Zulu

Depois que uma jovem e seu pretendente estão em um estágio avançado do namoro, o pai da moça constrói uma cabana. Essa é então chamada de cabana do “amor”. À noite, o homem e sua namorada poderão se encontrar lá, evitando a casa das famílias. Durante esse processo, o pai basicamente ignora o pretendente. Depois, ele pede então que a moça pegue um pouco do gado do pretendente. Assim que ela recebe o gado do namoro, os dois podem se casar.

3 – “Garotas Visitantes” do povo Dai

O povo Dai da China tem um ritual de namoro que chama “garotas visitantes”. Nesse festival, as mulheres se reúnem ao redor de uma fogueira. Após isso, começam então a girar suas saias giratórias. Nesse momento, um grupo de homens, com cobertores vermelhos e tocando instrumentos musicais, se aproximam delas. Cada um escolhe uma mulher e faz uma serenata para ela. Caso a mulher goste do cortejo, puxará um banquinho para ele. Ele então colocará seu cobertor em torno dela. É um ritual bastante romântico até.

4 – Maçã suada na Áustria rural

No século 19, as mulheres colocavam fatias de maça em suas axilas. Após isso, dançavam até ficarem bem suadas. Ao fim da dança, davam as fatias encharcadas de suor para seus pretendentes. Os homens então comiam as maçãs suadas, pois queriam experimentar a “fragrância sexual” das mulheres.

5 – Ritual de namoro da Camboja, Casa do Cortejo

No Camboja, os pais constroem pequenas casas para suas filhas ainda adolescentes. É nessas cabanas, que elas podem explorar socialmente diversos parceiros sexuais. Isso é feito para que a garota possa encontrar seu único amor verdadeiro.

6 – Lixamento de dentes em Bali

Quando os homens e mulheres balineses hindus atingem a puberdade, fazem um ritual para lixar seus dentes. Durante uma cerimônia, seus caninos superiores são desgastados. Basicamente, eles fazem isso até que ele se iguale com os dentes da frente. Essa prática serve para livrar os jovens de más tendências. Além disso, preparam-no para o casamento.

E aí, o que você achou dessa matéria? Comente então pra gente aí embaixo.

Drones irão plantar 1 bilhão de árvores até 2028

Matéria anterior

Conheça o popular omelete vietnamita feito com minhocas

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos