Fatos Nerd

7 animes excelentes dos anos 2000 que você pode ter perdido

0

Considerando a popularidade que animes têm ganhado nos últimos anos, não é de se estranhar que exista uma vastidão de títulos muito maior do que nossa capacidade de acompanhá-los. No entanto, os anos 2000, em especial, parecem ter sido uma era de ouro para as animações japonesas. Embora produções como Naruto, Ouran High School Host Club, Death Note e Gurren Logann sejam os primeiros nomes a vir, comumente, nas nossas cabeças, existem vários animes que, apesar da excelência, acabaram passando despercebidos. Pensando nisso, fizemos um compilado de alguns títulos que, apesar de não terem se destacado em meio à multidão, merecem uma chance da audiência.

7 – Casshern Sins

Essa série foi exibida de 2008 até 2009. Contudo, apesar de contar com apenas 24 episódios, não deixa de ser uma ótima pedida para os entusiastas de histórias pós-apocalípticas, robôs e formas de inteligência artificial. Ademais, mesmo sendo um reboot de outro programa dos anos 1970, chamado Casshan, Casshern Sins assumiu um tom mais sombrio. Ao passo que essa alteração resultou em críticas divididas, não deixa de ser uma opção para sua lista de animes. Por fim, o enredo se trata de um integrante de um poderoso exército de robôs que perdeu a memória. Todavia, de alguma forma, ele está ligado ao atual cenário distópico e busca se redimir por isso.

6 – Le Portrait de Petit Cossette

Aqui, temos um representante do terror psicológico na lista. Enquanto muitos animes do gênero tendem a cair no esquecimento, esse segue uma linha diferente. Mesmo contando com apenas três longos episódios, Le Portrait de Petit Cossette é marcado por um enredo interessante e visual incrível. Aliás, a narrativa apresenta uma história de amor nada convencional. Em suma, um estudante de arte se apaixona por uma garota em um retrato. Em seguida, a garota começa a conversar com ele e acaba contando que seu espírito está preso no quadro porque ela foi morta pelo artista que a pintou. Assim, a única forma de libertá-la, é fazendo com que outra pessoa assuma os pecados de seu pintor.

5 – Hell Girl

Ao contrário dos itens acima, Hell Girl é uma série longa. No decorrer de três temporadas, é apresentada a história de Enma, uma garota sobrenatural. Ademais, vemos um site onde as pessoas digitam o nome de alguém, para mandá-lo para o inferno. Ironicamente, o preço para tal feito é pagar com sua própria alma, assim as pessoas pensam duas vezes antes de fazê-lo. Por fim, cada episódio é focado em um personagem diferente invocando Enma Ai para levar alguma alma para o Inferno. Além disso, no final somos surpreendidos por uma reviravolta relacionada ao passado de Enma.

4 – Mushishi

Com 26 episódios, essa série foi originalmente exibida de 2005 até 2006. Embora sua segunda temporada tenha sido lançada em 2014, não a levaremos em consideração. Ademais, a história foca em um personagem capaz de enxergar seres conhecidos como “mushi”. Ao passo que a maioria das pessoas não dispõe do mesmo dom, acompanhamos o desenvolvimento dele, no decorrer dos episódios. Aliás, o mangá do qual o anime foi adaptado ganhou diversos prêmios significativos. Logo, vale dar um conferida em Mushishi.

3 – Princesa Tutu

Levando em consideração a qualidade desse anime, é uma pena que ele conste nessa lista. Embora a série seja inspirada por ballet, você não precisa ser um bailarino para tirar proveito dela. Na verdade, existem diversos elementos que fogem do convencional e chamam nossa atenção para a narrativa. Só para ilustrar, o enfoque é na personagem Duck, que assim como o nome sugere, é um pato. Contudo, sua maior motivação é dançar com o príncipe. Assim, um mágico a transforma em humana e ela assume a identidade de uma bailarina sobrenatural conhecida como Princesa Tutu. Em seguida, ela passa a frequentar a academia de dança. Apesar de parecer meio clichê, garantimos que o anime conta com diversas reviravoltas interessantes.

2 – Munto

Esse anime pode entrar na lista daqueles que não são fáceis de entender, porém, não deixa de ser um belo representante para sua época. Se você é um daqueles que busca por ação, música boa e histórias envolvendo ficção científica e fantasia, deveria dar uma chance para Munto. A narrativa gira em torno de um recurso mágico chamado “akuto” e de um rei que busca por uma garota prometida no submundo. Apesar de contar com muitas avaliações negativas, muitas delas envolvendo problemas de roteiro e previsibilidade, muitos fãs continuam a apreciar essa série.

1 – s-CRY-ed

Esse anime de 2001 consiste em uma mitologia sobrenatural, compilada em 26 episódios. A narrativa apresenta um universo alternativo, onde um por cento da população no Japão possui poderes sobrenaturais. Ademais, a história acompanha dois garotos com poderes que possuem personalidades e vivências diferentes. Como resultado disso, os dois se tornam rivais, que trabalham em equipe quando necessário. Chega a ser surpreendente ver s-CRY-ed por aqui, visto que possui várias semelhanças com diversos títulos populares, como Naruto, Bleach, Dragon Ball Z e Code Geass.

Por que nazistas e soviéticos brigaram por esse esqueleto?

Matéria anterior

Como é a pobreza nos lugares mais ricos do mundo?

Próxima matéria

Mais em Fatos Nerd

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.