7 civilizações africanas mais incríveis que o Antigo Egito

POR Jesus Galvão    EM Mundo Afora      26/04/18 às 18h28

A África é a nossa grande mãe. O berço da criação de toda humanidade, e lá evoluímos antes de povoarmos toda a terra. Muitos impérios e civilizações emergiram e desapareceram ao longo da história, porém muitos continuam desconhecidas para a grande maioria das pessoas.

Hoje, listamos algumas desses reinos que já foram sinônimo de riquezas, prosperidade e poder, e que por algum motivo acabaram caindo no esquecimento. Confira!

1 - Império de Axum

No lugar onde está localizado a atual Etiópia foi construído o Império Axum. Um dos maiores mercados do continente africano. Devido sua grande força naval, eles dominaram a costa do Mar Vermelho até o século VII. O império recebia visitantes de muitas partes do mundo. Um escritor persa teria o referido como "uma das quatro maiores potências do mundo".

2 - Império do Benin

O império do povo Edo foi um grande estado africano pré-colonial, onde hoje está localizada a Nigéria. Por volta de 1400, o pequeno povoado se tornou um poderoso reino. Benin teria encontrado no comércio com outros reinos africanos ao norte, devido à sua localização privilegiada próxima ao rio Níger, uma maneira de acumular suas riquezas.

Ao extremo sul do império, banhado pelo Oceano Atlântico, os mercadores usavam seus navios para troca de mercadorias e mantivesse contato com outros povos. Tudo foi muito bem até a chegada dos Ingleses que invadiram a região e tomaram seus recursos e destruíram todo o império.

3 - Império do Gana

O império de Gana foi um reino tão rico que até mesmo os cães usavam coleiras feitas de ouro. Isso devido a um bom planejamento estratégico, líderes poderosos e uma grande abundância de recursos naturais. Sem mencionar o fato de que o reino foi construído sobre uma imensa mina de ouro. Em 1420, o império entrou em colapso, e foi se enfraquecendo até ser totalmente absorvido pelo crescimento do Império do Mali.

4 - Império do Mali

Este império começou a prosperar por volta dos séculos 13 e 16. Foi fundado por Sundiata Keita, também conhecido como Rei Leão. Porém foi nas mãos de Mansa Musa que o império realmente se desenvolveu. Mansa detém o título de homem mais rico da história. Sua fortuna estava estimada em 400 bilhões de dólares. Mali começou a se enfraquecer devido a constantes invasões e logo deixou de ser político e economicamente importante.

5 - Cultura Nok

Durante sua existência, entre 900 a.C. até 200 d.C., a Cultura Nok criou um complexo sistema judiciário antes mesmo dos modernos serem inventados. Os primeiros vestígios dessa civilização foram descobertos em 1928 por um grupo de mineradores.Eles foram os primeiros fabricantes de estátuas de terracota em tamanho real. Eram manuseadores avançados de metais. Forjavam facas, pontas de lança e braceletes.

6 - Reino de Cuche

Cuche era localizado onde hoje está o Sudão. Com civilização muito parecida ao povo egípcio, tinham governantes os faraós. Além da construção de pirâmides como cemitérios, eles também mumificavam seus mortos e eram politeístas. Os chuche eram grandes exploradores do ferro, e as mulheres em sua sociedade exerciam grandes papéis. Muitas vezes as rainhas sucedia os reis e uma das maiores pirâmides do reino teria sido construída para homenagear uma rainha.

7 - Império Zulu

Shaka Zulu, filho ilegítimo do chefe Senzanganoka, seria o responsável por estimular o início do reino. Após várias tentativas de assassinato e disputas sangrentas, Shaka se tornou chefe do povo Zulu. O império Zulu se tornou uma das civilizações mais temidas durante o período colonial. Isso devido as habilidades militares de Shaka, que treinou tão bem seus guerreiros que derrotou os britânicos durante uma invasão.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixe nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

 

Via   Listverse  
Imagens Toda Materia
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+