• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 coisas totalmente incomuns que estão sendo roubadas nesse momento

POR Diogo Quiareli    EM Curiosidades      23/08/18 às 16h47

Que o mundo é um lugar perigoso de várias formas, não é novidade para ninguém. Podemos ver diversos tipos de crimes diariamente. Roubos, tráfico, assassinatos e até golpes milionários são bem fáceis de encontrarmos nas páginas de um jornal. Por falar em roubos, recentemente algumas coisas, no mínimo "estranhas", têm se tornado alvos de criminosos mundo afora. Alguns itens nós podemos considerar como ridículos estando nos olhares de ladrões. No entanto, há uma razão por seus ataques constantes. Esses podem até tirar a vida de uma pessoa ou colocar várias outras em perigo. Se você possuir algum dos itens que citaremos abaixo e for ao determinado lugar onde estão sendo valorizados, cuidado.

Pensando um pouco sobre o assunto, resolvemos trazer essa matéria. Nós da Fatos Desconhecidos buscamos e listamos algumas coisas totalmente incomuns que estão sendo roubadas nesse exato momento. Se você souber de alguma outra que não listamos aqui, manda pra gente nos comentários aí embaixo. Aproveite para compartilhar com seus amigos e, sem mais delongas, confira conosco e surpreenda-se.

1 - Abacates

A Nova Zelândia está passando por uma crise de abacate e o crime de roubar o fruto está aumentando. Os pomares estão sendo constantemente invadidos por criminosos. Um produtor local de abacates perdeu US$ 68 mil em um único assalto e isso porque os frutos ainda nem estavam maduros. A mercadoria roubada é vendida para o mercado local e revendido ao público geral. O aumento dos roubos está ligado ao aumento do custo dos abacates e a severa lei de importação do mesmo no país. O comércio está sendo até via Facebook, visto que os policiais estão fortalecendo sua guarda em torno dos mercados.

2 - Lápides

A Venezuela está enfrentando uma inflação econômica grave. O resultado disso é o roubo de tudo que os ladrões podem tocar. Alguns estão de olho até mesmo em lápides. Eles roubam as pessoas durante os funerais e em seguida atacam as sepulturas para roubar os mortos. Eles pegam qualquer metal que encontram no túmulo e, em casos mais extremos, roubam os ossos e vendem para os praticantes de ocultismo. Outros se concentram em lápides, e mais de 6 mil já foram roubadas no país. Eles usam o roubo para ganhar dinheiro em vendas e trocas.

3 - Latas de lixo

Em 2018, Manhattan foi tomada por uma onda de criminosos roubando latas de lixo na estrada e, muitas vezes, com lixo dentro. Ninguém sabe o motivo para o crime. Os latões que pesam 125 quilos são vendidos por US$ 1.000,00. No ano anterior, outras partes da cidade de Nova York enfrentaram a mesma onda de crimes.

4 - Areia

Algumas das praias da Sardiania estão entre as mais limpas e bonitas do mundo. Não é novidade que os turistas estão sempre saindo do local com uma garrafa ou saco plástico levando areia como lembrança. Anualmente, somam-se toneladas de areia retiradas por esses visitantes. A Itália então proibiu a retirada de areia de suas praias e multa em até 3 mil euros pela infração. Além do mineral, os turistas costumam pegar conchas e moluscos dessas praias.

5 - Papel higiênico

Esse é um grande problema na China. As pessoas costumam roubar papel higiênico em banheiros públicos. A maioria das empresas e atrações turísticas deixaram de colocar o papel nos banheiros por esse motivo. Há uma tecnologia instalada em alguns deles que libera uma quantidade do papel com tecnologia de reconhecimento facial. Antes de usar os banheiros, as pessoas devem ficar em frente ao dispensador, que tira uma foto dos seus rostos e libera 0,6 metros de papel.

6 - Água

Em 2014, a Califórnia sofreu um surto de roubo de água. As pessoas roubavam tanques particulares de água, rios e postos de bombeiros. As pessoas buscavam qualquer método para conseguir água no período de desespero. Em 2017, em Londres, o mesmo aconteceu e as pessoas começaram a atacar tanques de água para roubar. O número de incidentes chegou a 734 e levou o governo a ter uma perda de 3 milhões de litros de água.

7 - Conversores catalíticos

Esses conversores são padrões em automóveis desde 1975. Eles servem para deixar os veículos menos perigosos. Isso só é possível por causa da presença de metais como platina, paládio e ródio no seu interior. São esses metais que os criminosos buscam. Eles vendem os conversores por até US$ 150,00.

E aí, você sabia sobre tudo isso? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Lembrando sempre que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento.

Próxima Matéria
Via   Listverse  
Imagens Nutriela
Diogo Quiareli
Geminiano, 24 anos, goiano.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+