• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 provas científicas que você está apaixonado

POR Isabela Ferreira    EM Entretenimento      23/11/17 às 15h52

Ficar apaixonado pode ser uma das melhores sensações que experimentamos, não é mesmo? Claro, quando somos correspondidos, pois caso contrário... Chega a ser triste. Você tem alguém ao seu lado? Não consegue tirar aquela garota ao aquele cara da cabeça? Bom, vale lembrar que existem algumas diferenças entre amor e paixão, portanto... Pode ser que você não tenha sofrido de um "amor à primeira vista".

Recentemente, os cientistas afirmaram que conseguira descobrir o verdadeiro significado da expressão "se apaixonar". Um estudo liderado por Helen Fisher, antropóloga da Universidade de Rutgers, conseguiu descobrir que o cérebro apaixonado age de forma muito diferente do que quando é simplesmente submetido a luxúria, ou quando alguém está em um relacionamento de longa data. Pensando nisso, separamos abaixo 7 provas científicas que podem provar isso. Confere aí!

1 - Acredita que aquela pessoa é especial e diferente

Um dos primeiros sinais que demonstram que você está apaixonado, é quando começa a acreditar que aquela pessoa é única. Vem acompanhada pela incapacidade de se apaixonar por outra pessoa. De acordo com o que acreditam Fisher e sua equipe, esse sentimento é nada menos que o resultado de altos níveis de dopamina central, que faz parte de compostos químicos que estão relacionados ao nosso foco e  atenção.

2 - Instabilidade emocional

Não é novidade dizer que quando alguém está apaixonado, também sofre com uma montanha russa de sentimentos. Se sente feliz, eufórico, enérgico, mas por outro lado, também pode ter perda de peso, ansiedade, altos níveis de estresse, entre outros. Por mais louco que possa parecer, todas essas mudanças de humor são muito parecidas com o comportamento de toxicodependentes.

A verdade é que quando os apaixonados veem fotos um do outro, disparam a mesma região do cérebro que é ativada quando um viciado faz uso de drogas. Segundo o que dizem os pesquisadores, estar apaixonado é uma forma de vício.

3 - Comportamento obsessivo

De acordo com o que relata Fisher sobre as pesquisas, pessoas que se declaram apaixonadas passam em média, 85% de seu tempo livre pensando na pessoa amada. Esse tipo de comportamento pode ser até obsessivo e resultar em níveis mais baixos de serotonina central no cérebro.

4 - Dependência emocional

As pessoas apaixonadas costumam apresentar certa dependência de seu relacionamento, incluindo sinais do medo de rejeição, ciúmes e ansiedade. Em um experimento feito por Fisher e sua equipe, monitoravam o cérebro de voluntários com ajuda de ressonância magnética, enquanto eles olhavam fotos de seus amados, ou de pessoas que os rejeitaram.

Os resultados mostraram que várias áreas do cérebro eram ativadas durante o processo, inclusive aquelas relacionadas aos vícios. "A ativação de áreas envolvidas no vício da cocaína pode ajudar a explicar os comportamentos obsessivos associados à rejeição no amor", explicou a equipe no ano de 2010.

5 - Planejando o futuro

Quem está apaixonado também passa muito tempo planejando como poderá ser o futuro com a pessoa amada. Anseia muito para sempre estar perto daquela pessoa e procura de todas as formas possíveis, um jeito de se unirem emocionalmente. De acordo com Lucy Brown, neurocientista do Albert Einstein College of Medicine em Nova York: "Penso no a mor romântico como parte da estratégia reprodutiva humana. Isso nos ajuda a formar pares, que nos ajudam a sobreviver. Nós fomos construídos para experimentar a magia do amore ser conduzidos para outro".

6 - Sentimento de empatia

Normalmente, quando alguém está apaixonado, sente uma intensa sensação de empatia em relação à pessoa amada. Inclusive, é possível que tome suas dores e esteja sempre disposto a abrir mão do que deseja, ou fazer determinados sacrifícios para ver o amado feliz e vivendo bem. É algo realmente inexplicável e quando é recíproco, gera boas relações.

7 - Desejo de união emocional

Não há como negar que o sexo é importante em uma relação. No entanto, para os apaixonados não é considerado como a coisa mais importante. Antes disso, preferem estar unidos emocionalmente. Para provar isso, um estudo mostrou que 64% das pessoas apaixonadas, tanto homens quanto mulheres, discordam da frase: "O sexo é a parte mais importante do meu relacionamento".

E então pessoal, o que acharam? Concordam com as provas científicas aqui apresentadas? Compartilhem suas ideias com a gente aí pelos comentários!

Próxima Matéria


Matérias selecionadas especialmente para você

Via   Live Science  
Imagens Pexels
Isabela Ferreira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
As categorias Terror, Sobrenatural, CreppyPasta e entretenimento têm como único objetivo de entreter. Não devem ser utilizadas como fontes de artigos científicos ou trabalhos escolares.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+