O papel de Doutor Estranho em Vingadores: Guerra Infinita foi mais importante do que poderíamos imaginar. Por Stephen Strange ser o guardião da Joia do Tempo, sabíamos que ele seria um dos alvos imediatos de Thanos. No entanto, sua presença na história foi essencial para dar esperança aos outros. Os heróis foram ao planeta Titã confrontar Thanos, a fim de impedir os planos do vilão. Com o trabalho em equipe, eles quase tiveram êxito na missão. Infelizmente, Peter Quill não conseguiu controlar suas emoções e colocou tudo a perder.

Entretanto, um momento antes da ação, Doutor Estranho usa a Joia do Tempo para ver quais chances eles teriam contra Thanos. Strange viu mais de 14 milhões de possibilidades, das quais em apenas uma eles sairiam vitoriosos. Após a missão fracassar, ele entrega a joia para Thanos poupar a de Tony. Stephen pede desculpas e diz que este é o único jeito, pois eles estão no “fim da linha”. No fim, o herói entra para a lista das pessoas que foram dizimadas no estalar de dedos.

Mesmo assim, existe a teoria de que sua atitude condiz com o único cenário vitorioso visto por ele, entre as 14 milhões de possibilidades. Essa esperança, essa chance ímpar, será a motivação dos heróis em Vingadores: Ultimato. Ou quase isso. Uma nova teoria sugere que Doutor Estranho possa estar errado.

Publicidade
continue a leitura

O erro de Doutor Estranho

Publicidade
continue a leitura

De acordo com a nova teoria, é possível que as chances de êxito dos heróis possam ter um número maior. A ideia sugere que o fato de Doutor Estranho ter visto somente uma é porque, em algum lugar, de alguma forma, ele morre. A teoria resgata uma cena do filme solo do herói para sustentar o argumento.

Em Doutor Estranho, de 2016, quando a Anciã está no hospital, Stephen a segue pelo local e eles acabam conversando numa sacada. Ela revela que foi capaz de olhar o futuro acessando a Dimensão Sombria e a Joia do Tempo. Por algum motivo, porém, ela jamais foi capaz de visualizar para além daquele atual momento que os dois estavam vivendo. Então, naquele dia ela entendeu o porquê. Sua vida acabava ali. Nesse instante, ela fica em paz com a própria morte.

Publicidade
continue a leitura

Dessa forma, a teoria usa a mesma lógica para sugerir que Doutor Estranho não viu mais que uma vitória nos futuros visitados porque ele não estava mais presente em nenhum. Uma ideia, no mínimo, interessante.

Publicado em: 09/01/19 17h10