7 vezes que pessoas foram mortas por roupas

POR Gustavo Camargo    EM Mistérios & Horror      19/04/18 às 18h31

A vida em si é muito frágil. Se formos pensar um pouco a qualquer momento podemos não estar mais aqui. Imagine as maneiras mais loucas de morrer! Certamente ser morto por roupas não está aí, não é verdade? Mas acredite não são pequenos o número de casos já registrados.

A muito tempo as pessoas tem sacrificado a segurança pela moda, então mortes envolvendo roupas não é novidade dessa época. Quer entender melhor como uma roupa pode ser capaz de matar uma pessoa? Bom, nós da Fatos Desconhecidos trouxemos 7 vezes que pessoas foram mortas por roupas. Confira:

1 - Roupão Inflamável

Em 2009, uma senhora de 81 anos chamada Evelyn Rogoff, ansiava por uma bela xícara de chá verde. Mas ela não sabia que ela não teria chance de apreciar a bebida. Quando ela chegou no fogão, o roupão de chenile que ela estava usando acabou pegando fogo. Graças ao material inflamável da roupa, Evelyn logo se viu cercada por chamas. Seu marido estava perto e logo tentou apagar o fogo, mas suas roupas também se incendiaram. Um terceiro indivíduo, a filha do casal, chegou e encontrou os pais em chamas e logo os encharcou e os levou para o hospital. Evelyn passou cerca de seis semanas na Universidade da Califórnia antes de ceder aos ferimentos. Ela tinha queimaduras de terceiro grau em mais de 30% do corpo.

2 - Salto alto

Em 2012, um homem teria encontrado uma moça jogada no chão aparentemente desacordada. Ela estava na escadaria de seu apartamento no Lower East Side, Manhattan. Quando os socorristas chegaram, eles identificaram a jovem como Carlisle Brighan. Ela estava hospedada na casa de um amigo que morava ali. Inicialmente autoridades acreditavam que se tratava de um homicídio devido a um corte no pescoço.

Uma autópsia revelou que a morte dela foi acidental. E acredita-se que foi causada por seus sapatos de salto alto. A combinação de saltos altos e escadas foi fatal. Ela teria tropeçado e caiu, quebrando o queixo e abrindo uma ferida no pescoço.

3 - Sutiã assassino

Em 2015, Christina Bond, de 55 anos, carregava sua arma em um coldre de sutiã. Esse coldre em particular se prende à parte da frente do sutiã, escondendo a arma entre os seios por meio de uma alça que prende o coldre. Ela estava tentando ajustá-lo e a arma disparou e a acertou no rosto. Ela foi levada de helicóptero para o Hospital Kalamazoo, onde morreu no dia seguinte.

4 - Crinolinas de fogo

As Crinolinas era uma peça que parecia uma gaiola que ajudava a manter as saias gigantes na forma que elas queriam. Eram responsável por virar desajeitadamente quando as mulheres não se sentavam com cuidado, as crinolinas eram responsáveis ??por cerca de 3.000 mortes durante o auge de sua popularidade, no século 20.

5 - Esmagados por roupas

Em um caso que muitos consideram como um relato de colecionismo extremo, três pessoas em Alicante, na Espanha, foram mortos esmagados por roupas. O primeiro andar da casa desabou devido ao peso maciço e da grande quantidade de roupas. Um homem, sua esposa e sua filha de 12 anos morreram no acidente.

6 - Camisola

A morte de Mary Reeser é um belo caso de que fumar em ambientes fechados não é uma boa ideia. Seu corpo foi encontrado cremado em sua sala de estar. Em 1951, Mary, teria tomado sedativos pesados, e decidiu fumar. Sedada e fumando, sua camisola acabou pegando fogo. Tudo o que foi encontrado foi um de seus pés, um pedaço de seu crânio e as molas de sua cadeira.

7 - Lavanderia

roupas

Brian Deplepge, pai de dois filhos, foi encontrado morto em sua casa em 2011. Ele teria tropeçado e sua cabeça e pescoço teriam fricados presos entre os degraus do cavalo de roupa, que desmoronou em cima dele. As autoridades afirmaram que ele parece ter se esforçado para se libertar, o que apenas fez com que o cavalo de roupa apertasse com mais força o pescoço. Além disso, as roupas nos degraus superiores ainda estavam molhadas, o que acrescentou peso extra à cabeça e ao pescoço.

E aí, o que acharam da matéria? Comenta aí e não se esqueça de compartilhar com os amigos, lembrando que seu feedback é sempre muito importante.

Via   Listverse  
Gustavo Camargo
A verdade é que eu queria ser astronauta, mas na minha cidade ainda não tem a escolinha. Instagram: gustavoloopi

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+