• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


8 coisas que deveriam ser ensinadas nas escolas (mas infelizmente não são)

POR André Quincas    EM Entretenimento      18/02/16 às 18h39

Você acha que nosso sistema de ensino é deficitário? Você acha que a escola deveria ensinar civismo, direito administrativo educação para o consumo? Nós também. Mas como não temos indicativos de que tão cedo isso irá acontecer, fizemos este texto em tom jocoso para sugerir outras disciplinas que seriam importantíssimas na escola, mas que ainda não são ensinadas.

Aqui na Fatos já te mostramos 7 fatos históricos que não te mostraram na escola, coisas que te ensinaram e eram grandes mentiras e também 8 escolas tão iradas que te darão vontade de estudar de verdade. Agora hoje, mantendo a tradição de indicar o quanto nosso sistema de ensino precisa ser revisto, confira 8 disciplinas que nossos alunos precisam começar a estudar desde cedo.

1- De onde vem a receita do Estado

buracos

O que é e pra que server IPVA, IPTU e todos os outros impostos que todos nós pagamos e os que não sabemos que pagamos principalmente. Quanto é arrecadado e destinado a saúde pública, segurança e o mais importante, educação.

2- Como ser criativo com pouco dinheiro

tumblr_muu75oZwpD1sr8erqo1_1280

Criatividade é sem dúvidas o maior recurso, não é mesmo? A escola poderia ensinar seus alunos a serem inventivos e a pensarem em alternativas e possibilidades. Até porque, na vida adulta, todo mundo tem que fazer isso pra sobrar dinheiro para pagar caro pelo combustível que nós mesmos produzimos e pagar os impostos mencionados para garantir a folha de pagamento dos deputados.

3- Como debater ideias

o-FIGHTING-BRIGA-facebook

A galera não é ensinada a debater e o resultado tá aí. Um monte de textão no Facebook querendo fazer prevalecer ideias mal embasadas a qualquer custo. Se for uma conversa ao vivo então, aí é pior. Os ânimos vão se exaltando, a galera vai gritando quando fica sem argumento e em certos casos dá até morte.

Retórica tinha que entrar na grade de todas as séries. Dessa forma jamais diríamos que futebol, religião e política não se discute. Principalmente política, que é algo que afeta a vida de todos diretamente.

4- Como não fazer papel de trouxa

vA7g1Dmo_400x400

Os alunos aprenderiam como não insistir pra falar com quem não quer conversar. Aprenderiam a não se deixarem filmar praticando sexo com qualquer um e que ninguém acha caixa de fósforo de motel em qualquer lugar e "guarda de lembrança". Entre essas coisas, os alunos aprenderiam que eles estão sendo formados para trabalharem 4 meses do ano para engordar contas de corruptos em paraísos fiscais.

5- Como tornar a sua vida e dos outros mais fácil

babaca

Os alunos aprenderiam em dois módulos 'por que e como não ser um babaca'. Cada módulo trará dicas diversas e a justificativa para não adotar comportamentos como estacionar em fila dupla, empurrar as pessoas para entrar no ônibus/metrô, não obrigar as pessoas a ouvirem o som alto do seu carro ou da sua casa com música ruim etc. Os rapazes ainda seriam orientados a não precisarem passar cantadas de pedreiro nas garotas para demonstrarem masculinidade.

6- Falar na hora certa

patricia gremista pedindo perdao

Imagine um mundo onde as pessoas aprendem na escola a hora mais adequada para falar sobre certos assuntos. Imaginou? Não seria um mundo melhor e com menos vergonha alheia? A escola deveria sugerir como não levantar polêmicas desnecessárias nos jantares em família, reuniões corporativas, velórios, casamentos etc.

7- Educação para o consumo

Vaca_chora_abatida

Essa disciplina iria além da economia doméstica que já é superficialmente abordada na escola. Os alunos aprenderiam de onde vem a carne que eles comem, como os animais são abatidos, quem são as lojas de departamento e marcas de roupas que usam mão de obra quase escrava nas confecções,  qual a porcentagem do hamburger do McDonalds realmente é carne, quanto milho transgênico compõe as cervejas brasileiras industrializadas e tudo mais.

8- Legislação trabalhista

Escravo_moderno

Aqui os alunos já começariam a serem introduzidos na realidade para a qual eles nasceram. Para o fim comum à vida de todos a mais de 16 séculos: ser mão de obra para o capitalismo e as implicações e normatizações legais no Brasil. Vale ressaltar que não há nada de errado em movimentar o sistema.

Já foi provado por guerra que o capitalismo é a nossa melhor alternativa e ele funciona muito bem sim. Existe propaganda de tudo pra todo mundo e tem sempre alguém vendendo algo que você precise comprar. Aprender as implicações legais na relação de trabalho ainda na escola nos faria ganhar tempo e entender melhor nossas realidades.

O que mais você acha que poderia entrar para os currículos escolares e grades acadêmicas e ainda não entrou?

Próxima Matéria
André Quincas
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
As categorias Terror, Sobrenatural, CreppyPasta e entretenimento têm como único objetivo de entreter. Não devem ser utilizadas como fontes de artigos científicos ou trabalhos escolares.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+