Curiosidades

A língua mais difícil do mundo é falada no Brasil, segundo especialista; entenda

0

Segundo relatos bíblicos, um dia, os homens já falaram todos um mesmo idioma. Até que, certo dia, enquanto construíam a lendária Torre de Babel de forma extremamente ambiciosa, Deus confundiu seus idiomas e estes acabaram se espalhando. Por mais que essa não seja uma explicação científica para a pluralidade das línguas, é algo bem aceito por diversas crenças e religiões do mundo. E dentre todas existentes, existe a língua mais difícil do mundo.

A língua que é considerada a mais difícil do mundo é a única viva do tronco linguístico Mura. Ela é falada pelo povo Pirahã (ou Pirarrã), que vive no sul do Amazonas. Para se ter uma noção, toda comunicação deles tem como base somente três vogais e seis consoantes. Outro ponto é que eles empregam somente um tempo verbal, o presente, e não existem substantivos no singular ou no plural.

Além disso, esse povo não tem um sistema numeral, não diferenciam cores e não tem nenhum deus ou mitologia porque acreditam que o universo, o céu e a Terra sempre existiram. Ou seja, os Pirahã não acreditam em nada que não possa ser provado, visto ou sentido.

Língua mais difícil do mundo

Terra

Essa língua mais difícil do mundo é falada por aproximadamente 400 indígenas vivendo às margens do Rio Maici. Dentre todas as características que chamam atenção, uma dela é a quantidade mínima de fonemas. Nesse idioma são usadas as vogais A, I, O e as consoantes G, H, S, T, P e B.

De acordo com o Instituto Socioambiental (ISA), a língua é classificada como tonal. Por conta disso ela pode criar modos de comunicação específicos, como por exemplo, através de gritos e assobios, especialmente quando os Pirahã estão em expedições nos rios ou matas.

Outra possibilidade é “falar-comendo”, que cria uma comunicação através de tons. Então, enquanto eles estão mastigando, os indivíduos desse povo podem continuar conversando. E um ponto super importante na língua mais difícil do mundo é a entonação, até porque algumas palavras tem o mesmo significado e é sua pronúncia que as diferencia.

E a pronúncia de vários fonemas depende de quem fala. Um exemplo disso é a sétima consoante existente na língua, que se parece com o K, que é falada somente pelos homens. Além disso, alguns homens podem se comunicar em português, mas as mulheres têm que falar somente a língua pirarrã.

Por ser tão interessante assim, a língua mais difícil do mundo foi tema do documentário “The grammar of hapiness”, de 2012. A produção mostra as pesquisas feitas pelo linguista estadunidense Daniel Everett com esse povo.

“A língua mais difícil do mundo é sem dúvida o pirahã”, confirmou Rolf Theil, professor de linguística da Universidade de Oslo, em 2016.

De acordo com especialistas, por conta de toda a complexidade do idioma, seriam necessários aproximadamente 10 anos para que uma pessoa com memória média aprendesse a língua.

Fonte: Terra

Imagens: Terra

É possível viver em Marte? 4 problemas que vamos enfrentar no planeta

Artigo anterior

Amigos incrédulos com valor de jantar viralizam: ‘Quando a conta chega e o vinho custa R$ 1.650 em vez de R$ 165’

Próximo artigo