Ciência e Tecnologia

Até as partes ”seguras” da Antártida estão derretendo

0

O aquecimento global já é considerado por muitos cientistas um problema ambiental gravíssimo e urgente. Com o aumento da temperatura terrestre, causado pelo acúmulo de gases poluentes na atmosfera podem se desencadear consequências catastróficas ao meio ambiente.

A Antártida tem sido um dos polos mais afetados por essa alteração climática. Com o aumento da temperatura, uma grande parte das geleiras do continente estão derretendo mais rapidamente, segundo estudo publicado recentemente na revista Proceedings da National Academy of Sciences.

Essa interferência direta no nível do oceano global pode resultar em graves problemas ambientais, tais como, cidades litorâneas no mundo inteiro serem inundadas, total ou parcialmente.

Derretimento acelerado

O estudo constatou que o grande influxo de água quente no oceano aumentou em ritmo acelerado o derretimento das geleiras nas ultimas 4 décadas. O que significa que o nível do mar deve subir mais do que o esperado.

Entre 1979 e 1989, a Antártida perdeu 40 bilhões de toneladas de gelo por ano. A partir de 2009, esse número subiu para 252 bilhões de toneladas anualmente. Constatando que a região tem perdido seis vezes mais gelo do que há 40 anos atrás.

Eric Rignot, cientista da Universidade da Califórnia, em Irvine, foi quem liderou o estudo junto com a NASA. Ele afirmou que não são apenas algumas partes da Antártida que estão propensas a essas mudanças, mas toda a região está em risco, o que pode ser um motivo de preocupação.

Proporções

Em níveis de proporção, são necessários em média 360 bilhões de toneladas de gelo para elevar em um milímetro o nível do mar. Desde 1900, os níveis globais do mar já subiram de 7 a 8 polegadas. Os cientistas, antecipam que até 2100 os mares podem subir quase um metro globalmente se a produção de carbono não for reduzida.

Em tamanhos e proporções, as geleiras e as plataformas de gelo, podem ser tão grandes quanto estados ou mesmo países inteiros. O derretimento do gelo é normal, uma vez que cerca de 2 trilhões de toneladas de neve são produzidas a cada ano, no topo da Antártida. Compensando e mantendo o nível do mar praticamente inalterado. Porém, se o fluxo de gelo ultrapassar o volume de neve, o aumento no nível do mar é inevitável.

5 participantes do BBB que já foram expulsos

Matéria anterior

20 pessoas mais ricas do Brasil em 2018 segundo a Forbes

Próxima matéria

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.