Ciência e Tecnologia

Carrefour adquire terreno no metaverso da The Sandbox

0

A empresa Carrefour comprou um terreno no metaverso de criptomoedas The Sandbox. Em breve, deve ser feito o anúncio oficial da compra. A divisão da França do Carrefour foi quem anunciou a compra, por meio do chefe de e-commerce. Com isso, espera-se que eventuais planos de experimentar compras online sejam realizados por meio dessa solução e que sejam divulgados em breve.

A compra foi intermediada pela empresa Coinhouse. Já o lote possui o tamanho de 3×3, com a sua localização sendo a 33,147 naquele metaverso, totalizando cerca de 30 supermercados no metaverso. 

A entrada da empresa nesse espaço é interessante por conta de as grandes empresas de tecnologia ainda estarem explorando as formas de usar a tecnologia para conseguir benefícios junto aos clientes. Com isso, o Carrefour está “largando na frente” de muitos.

Vale destacar que o Walmart já fez testes em anos anteriores com o ambiente do metaverso. Por isso, acredita-se que ele deve dedicar atenção maior para esse setor.

Carrefour no metaverso

Foto: Reprodução Twitter

O metaverso é um ambiente em expansão. No entanto, a Meta (ex-Facebook) já anunciou, publicamente, seus planos de direcionar seu modelo de negócios para essa realidade. Além disso, outras grandes empresas vêm comprando terrenos no local.

Após o Facebook entrar no ambiente, muitas outras empresas estão analisando o potencial de negócios do setor.

Na segunda semana de fevereiro, o que chamou a atenção foi a entrada do Carrefour no metaverso de criptomoedas do The Sandbox. 

“Carrefour adquiriu uma área referente a 30 supermercados no metaverso. Fique atento para as novas experiências digitais e inovações.”

Compra é celebrada por chefe de produtos digitais 

iStock

O Carrefour é uma empresa criada em 1959 na França, e hoje comercializa globalmente diversos produtos na loja física e digital.

“Acabamos de receber as chaves, é oficial: o Carrefour é o orgulhoso proprietário de um lindo terreno no metaverso!”, afirmou a Diretora Executiva Ecommerce, Data e Transformação Digital do Grupo Carrefour, Elodie Perthuisot.

O CEO do Carrefour, Alexandre Bompard, também falou sobre a compra. Para ele a inovação está no centro da empresa.

Além disso, a compra pode ser uma grande experimentação das criptomoedas. Isso porque a The Sandbox funciona com a rede Ethereum em uma forma de base para a aplicação. Com isso, existe a possibilidade do Carrefour ter adquirido criptomoedas para poder comprar o terreno.

No entanto, vale destacar que esse não é o primeiro teste que a marca faz com essa tecnologia. No Brasil, em 2019, o Carrefour divulgou usar blockchain para rastrear produção de laranjas.

Com a nova compra, a empresa caminha mais um pouco nessa nova inovação, que pode auxiliar no futuro comercial do Carrefour.

Fonte: Yahoo Esportes, S.A Varejo

Homem joga frango assado em assaltante

Matéria anterior

Os 10 maiores salários da TV aberta brasileira

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos