Curiosidades

Cientistas redescobrem uma espécie rara e selvagem que pode salvar o café da mudança climática

0

Nosso planeta já tem seu longo período de existência e já passou por várias mudanças. Umas delas, que os pesquisadores consideram uma das mais drásticas, é a mudança climática. Isso vem afetando o mundo de várias maneiras diferentes e talvez caminhe para um ponto, onde se torne cada vez mais difícil a nossa existência.

Logicamente, ela tem inúmeras consequências para a nossa existência. Sempre pensamos nos animais, mares, ou florestas quando falamos de mudanças climáticas. Mas a mudança do clima é uma realidade que os agricultores enfrentam. E, segundo pesquisas, o futuro de alguns alimentos é preocupante. Alguns produtos que, hoje, são bastante populares, ficarão cada vez mais raros e caros.

Mudanças climáticas

Um desses produtos é o amado café. Felizmente, os cientistas identificaram uma planta para fazer café que poderia ser mais resistente contra as nuances das mudanças climáticas.

Essa planta é o chamado café stenophylla ou Coffea stenophylla. Ela é uma espécie selvagem e relativamente rara encontrada no Alto Oeste da África. Quando comparada com as plantas de café que são mais comumente usadas, essa está bem mais preparada para lidar com as mudanças climáticas.

Além disso, essa planta tem um sabor parecido com o café da arábico de alta qualidade feito com a planta arábica, C. arabica. Por conta disso, a planta deve deixar os conhecedores do café satisfeitos. A arábica, atualmente, domina 75% do mercado e é uma das variantes particularmente ameaçadas por conta das mudanças climáticas. Isso porque a planta precisa de condições bem específicas para crescer.

“Esta espécie amplia substancialmente o envelope climático para café de alta qualidade e pode fornecer um recurso importante para o desenvolvimento de plantas de cultivo de café resistentes ao clima”, escreveram os pesquisadores.

Nova espécie

Na verdade, a planta stenophylla está em um processo de retorno. Até porque era pensado que ela já tinha morrido em todos os lugares, exceto na Costa do Marfim. E tinham bem poucas informações publicadas sobre ela em várias décadas. Contudo, ela foi redescoberta em Serra Leoa.

Os cientistas testaram amostras da C. stenophylla para ver qual era o seu sabor, além de fazerem modelos para avaliar o tipo de condições em que ela poderia crescer.  Com isso eles descobriram que essa planta pode crescer em temperaturas de até 24,9° Celsius.

Segundo pesquisas anteriores, essa variedade de planta consegue sobreviver a períodos de seca e também é resistente à ferrugem do café. Tudo isso faz com que ela tenha vários atrativos para ser uma opção possível para a produção do café em condições climáticas mais desafiadoras.

“A baixa produtividade foi apontada como a principal razão pela qual a stenophylla não conseguiu se estabelecer como uma das principais espécies de café no mundo, embora a competição do café robusta, cujo progresso inicial para se tornar uma commodity global coincida com o declínio do cultivo de stenophylla, provavelmente principal fator contribuinte”, escreveram os pesquisadores.

Uso futuro

O café Stenophylla também foi muito popular, em testes cegos, entre os especialistas em degustação de café. E conforme o tempo for passando, essa planta pode ser cruzada com outras para que mais resiliência climática seja possível.

Essa mudança de espécie do café é uma das opções que a indústria está procurando. Outras ideias como, realocar o cultivo de grãos de café e adaptar diferentes aspectos da produção dos grãos também estão sendo consideradas.

“Não estará nas cafeterias nos próximos dois anos, mas acho que dentro de cinco a sete anos veremos isso entrando no mercado como um café de nicho, como um café de alto valor, e depois disso, eu acho que será mais comum “, concluiu Aaron Davis, chefe de pesquisa do café no Royal Botanic Gardens no Reino Unido.

Japão confirma primeiro caso de COVID associado à revezamento da tocha olímpica

Matéria anterior

Perseverance consegue extrair oxigênio em Marte pela primeira vez

Próxima matéria

Mais em Curiosidades

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.