Natureza

Considerada em extinção, ‘prima’ da girafa e da zebra engravida nos Estados Unidos

0

O planeta Terra é um lugar com uma imensa variedade de animais. No entanto, ao longo do tempo, muitas vezes por conta da ação humana, alguns deles que nossos antepassados conheciam entraram em extinção. Um desses animais é o ocapi, espécie parente da girafa que se parece um pouco com zebras.

Porém, há uma boa notícia: uma fêmea de ocapi vai dar à luz seu primeiro filhote em apenas alguns meses, depois de se considerar a espécie em risco de extinção. Ela está localizada no Oklahoma City Zoo and Botanical Garden, nos Estados Unidos.

Pesquisadores consideram os ocapi em risco de extinção por serem ameaçados pela caça ilegal, perda de habitat e mineração em seu território, na África Central. Assim sendo, a fêmea que pode mudar o futuro dessa espécie é a Kayin. Já o pai do filhote se chama Bosomi. A futura mãe foi o último animal da espécie a nascer no zoológico.

Ocapi, ameaçado de extinção, engravida nos Estados Unidos

Reprodução

A equipe do hospital realizou um exame de ultrassom e confirmou a gravidez da ocapi. Além disso, afirma que sua saúde está boa e que irão implementar uma dieta especial nos próximos meses. Kayin também irá fazer exercícios e ficará ao lado de seu companheiro, Bosomi.

“Estamos extremamente empolgados com a gravidez de Kayin e mal podemos esperar para vê-la cuidando de seu próprio filhote”, disse Tracey Dolphin, curadora do zoológico. “O nascimento de um ocapi é um evento significativo para o zoológico e para a população de ocapis como um todo”.

“Ao participar de um programa de criação bem-sucedido com o Plano de Sobrevivência de Espécies de Zoológicos e Aquários para ocapi, o zoológico está contribuindo para os debates sobre essa espécie ameaçada”, completou.

Apesar de apresentar uma característica marcante das zebras – as listras -, os ocapi não são parentes desses animais, e sim das girafas. Elas e os ocapi são os únicos membros restantes da família Giraffidae.

Dessa forma, antigamente, existiram mais nove gêneros, sendo eles: Sivatherium, Giraffidarum, Canthumeryx, Injanatherium, Propalaeomeryx, Giraffokeryx, Helladotherium, Paleotragus e Samotherium.

Ocapi nasce em Londres

ocapi em risco de extinção

Reprodução/Twitter @zsllondonzoo

Um filhote de ocapi nasceu recentemente, no fim de setembro, em 2020, no zoológico de Londres. A instituição comemorou bastante a notícia, visto que apresenta um sinal de esperança para o futuro da espécie.

Natural da República Domocrática do Congo, na África, o animal é raro e corre risco de extinção. O nome da nova oapi é Ede e ela deu os primeiros passos após uma gestação longa de 16 meses na barriga da mãe, Oni.

“A gravidez em um período de confinamento representou alguns desafios logísticos para nossa equipe, mas apesar de o zoológico ter sido fechado, permanecemos ao seu lado para garantir que ela recebesse todo o atendimento durante o terceiro trimestre. Estamos muito felizes que mãe e bebê estão bem”, afirmou a veterinária Gemma Metcalf em comunicado. Metcalf é responsável pelos cuidados dos ocapi no zoológico.

Além da bunda com as listras, outra característica marcante dos ocapi é a longa língua azul com a qual ela pode limpar até as orelhas, assim como alcançar galhos altos para comer.

Assim, um ocapi geralmente pesa entre 200 e 300 quilos e atinge um comprimento de, no máximo, dois metros. Essa espécie é integrante da lista de animais ameaçados de extinção da União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN, na sigla em inglês), desde o ano de 2013.

Em 2014, a Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas da IUCN recebeu atualização. Então, com os novos dados, concluíram que mais de 22 mil espécies correm risco de extinção. Dessa forma, entre essas espécies, estão os peixes da Turquia chamados de Gölcük e Egirdir, e um molusco chamado de Plectostoma sciaphilum.

Fonte: Yahoo

A vida das pessoas com diferenças e desfigurações visíveis

Matéria anterior

Asteroide potencialmente perigoso vai passar ‘perto’ da Terra nessa sexta

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos