• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

5 contos infantis antigos contados por arqueólogos modernos

POR Magno Oliver    EM Curiosidades      24/01/15 às 16h30

Há quem não dê importância ao trabalho deles, pois acham que são profissionais que praticam uma atividade sem muita validade social ou algo do tipo. Outros afirmam que os arqueólogos são só cientistas que gostam de ficar tirando poeira das coisas enterradas ou tirando múmias enterradas de seus túmulos. Na verdade, não é bem dessa forma o trabalho desses desbravadores de tesouros e artefatos antigos, a função deles vai muito além disso.
Eles são ícones importantes para a história, pois encontram artefatos e restos humanos que contribuem e muito para a história do homem e seus antepassados. Os arqueólogos modernos são como contadores de histórias antigas, que nos transportam para o conhecimento de vários lugares e coisas curiosas e interessantes.
E dessa vez separamos histórias curiosas de crianças há muito tempo esquecidas.
Algumas delas são tristes, outras são misteriosas e vão te deixar de cabelo em pé. Confira

1 - O conto de Oriens Rises

0125

Em outubro de 2013 um caçador de tesouros com um detector de metal em um campo de Leicestershire descobriu onde foi enterrado um caixão forrado de chumbo de uma criança romana. Então, para não se referir à criança como "indigente", o público optou por chamá-la de "Oriens", que significa " a subir, como faz o Sol todos os dias . Acredita-se que Oriens foi enterrado por volta do terceiro ou quarto século.Apenas alguns fragmentos de ossos permanecem enterrados. Mesmo assim, os arqueólogos podem juntar alguns detalhes de sua história, incluindo a sociedade em que vivia. Eles conseguiram retiram várias informações apenas de algumas resinas encontradas em seu caixão.

2 - Segredos da cantora infantil do faraó

0225

As inscrições em sua tumba mostraram que ela era uma "cantora de interior elevado" para o deus Amon, no chamado templo egípcio , uma espécie de complexo de Karnak na antiga Tebas, próximo à moderna Luxor, um oásis perto do Nilo à distância de 60 milhas a sudoeste de Cairo. Faiyum é a cidade mais antiga do Egito, fundada em 4000 aC. Ela foi encontrada envolta de ataduras e mumificada em cerca de 800 aC. Tjayasetimu é uma múmia rara, uma das três únicas conhecidas na existência daquele período em que as mãos e os pés são visíveis.
Em 2013, uma tomografia computadorizada revelou que o seu corpo, incluindo o rosto, os ombros e o cabelo, ainda foram bem preservados.
Sem sinais de doença de longa duração ou trauma, acredita-se que a causa da morte possa ter ocorrido por uma curta doença como a cólera.

3 - Os Surpreendentemente Bons Pais

0525

Acreditando que os neandertais tenham sido mal interpretados, alguns arqueólogos da Universidade de York querem reescrever a história desses povos pré-históricos. Até recentemente, o ponto de vista predominante tem sido a de que as crianças neandertais viveram vidas perigosas, difíceis, e curtas. Mas a equipe Iorque atingiu uma conclusão diferente , depois de estudar as evidências social e cultural em locais de Neanderthal em toda a Europa.

 4 - O Mistério das 100 crianças na vala de esgoto do Bordel

0325

Esse conto trata de uma descoberta medonha feita em 1988, em Ashkelon, na costa sul de Israel. Uma vala comum com cerca de 100 crianças no esgoto antigo sob o fundo de uma casa de banhos romana foi encontrada por arqueólogos. Com a maioria dos ossos intactos de cada área do seu esqueleto, os cientistas acreditam que os bebês foram atirados para o ralo logo após a morte. Dadas as suas idades semelhantes e sem evidência de doença, a causa da morte é quase certamente dada como infanticídio. Alguns arqueólogos contam que o balneário também serviu como um bordel.Eles acreditam que as crianças eram os filhos indesejados de prostitutas que trabalhavam lá. Alguns bebês do sexo feminino podem ter sido poupado para que eles pudessem se tornar cortesãs à medida que cresciam. Embora ambos os homens e mulheres eram prostitutas no Império Romano, alguns historiadores acreditam que as mulheres eram mais na demanda.

5 - O mistério do Alce  Geoglifo construído por crianças

0725

A descoberta foi feita com imagens tiradas do espaço em 2011 que revelaram um alce geoglifo gigante nos Montes Urais.A curiosa estrutura é de cerca de 275 metros (900 pés) de comprimento e possui dois chifres, quatro pernas e um longo focinho. O geoglifo poderia ter sido visto a partir de um cume próximo em tempos pré-históricos como uma figura brilhante, branco contra um fundo da grama verde.
Atualmente, ele é revestido com o solo.Pesquisadores acreditam que sua descoberta diz respeito a atividades feitas por crianças.
Escavadores encontraram mais de 150 ferramentas no local. Eles acreditam que as crianças ajudaram a construir o geoglifo alce, trabalhando ao lado dos adultos em um projeto comunitário. Uma espécie de esforço em conjunto com valores compartilhados para atingir um objetivo importante.

Próxima Matéria
Magno Oliver
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você


Fatos + Deezer (Podcast)

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+