Ciência e TecnologiaCuriosidades

Entenda como a vitamina D está ligada ao desenvolvimento de depressão

0

Uma nova pesquisa, publicada no Journal of Post-Acute and Long-Term Care Medicine afirma que a falta de Vitamina D pode aumentar os riscos de depressão em até 75% em pessoas com idades mais avançadas. E isso se torna mais preocupante pelo seguinte fator: a medida que envelhecemos recebemos menos vitaminas do que precisamos.

Cerca de 3.965 pessoas, com mais de 50 anos, participaram do Estudo Longitudinal de Envelhecimento da Irlanda. Essas pessoas passaram por avaliações prévias e foram acompanhadas pela equipe em diferentes momentos de suas vidas, sendo dois e quatro anos depois dos estágios primários do experimentos.

Vitamina D: uma necessidade

Após quatro anos, cerca de 400 pessoas teriam desenvolvido a doença. E o resultado comprovou que os participantes que apresentaram deficiência de Vitamina D tinham 75% a mais de risco em desenvolver a depressão. De acordo com os pesquisadores, baixos níveis da vitamina já haviam sido associadas com a patologia anteriormente.

No entanto,  os cientistas consideraram esta análise uma das mais evidências mais convincentes de que ambos os fatores estão relacionados. Eles acreditam que um a cada quatro idosos na Irlanda não estejam recebendo a quantidade necessária de vitamina D em seu organismo. Principalmente no inverno.

Os raios solares são umas fontes de vitamina D. Suplementos vitamínicos podem ser ingeridos. Entretanto, diretrizes mais atualizadas foram cobradas ao governo irlandês por especialistas sobre a ingestão indicada de tais substâncias. “Dado que a vitamina D é segura nas doses recomendadas e relativamente barata, este estudo contribui com evidências sobre os benefícios da vitamina D para a saúde”, afirmou Eamon Laird, da Universidade de Dublin.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

Disseram que ele seria inútil por ser autista e hoje ele se formou na faculdade

Matéria anterior

7 histórias inacreditáveis de pessoas que caíram em vulcões

Próxima matéria

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.