• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

Essa pode ser a coisa mais estranha encontrada dentro de alguém

POR Jesus Galvão    EM Ciência e Tecnologia      06/09/18 às 14h57

Estranhamente as pessoas têm um certo fascínio em introduzir coisas dentro de si mesmas. Mas este último acontecimento vai deixar até os mais céticos embasbacados. Um estudo publicado no The Dutch Journal of Medicine, feito por profissionais da saúde holandeses, abordava práticas médicas para remoção de corpos estranhos do reto das pessoas.

Na publicação foi relatado o caso de um homem que foi internado com fortes dores abdominais, apresentando taquicardia e taquipneia. O paciente, de 29 anos de idade, abrigava em seu reto 15 ovos cozidos sem casca, que foram inseridos de maneira voluntária pelo paciente e seu parceiro. O caso rapidamente tomou todas as manchetes mundo afora.

O paciente C

"Paciente C é um homem de 29 anos que chegou ao pronto-socorro por volta da meia-noite por causa de uma dor aguda no estômago. Juntamente com seu parceiro, ele inseriu 15 ovos cozidos e descascados em seu ânus sob a influência de GHB no início da noite", relatou o estudo. O GHB é uma medicação utilizada para o tratamento de narcolepsia, mas que as pessoas também utilizam para outros fins, como o uso recreativo.

Quando chegou ao hospital, o homem apresentava batimentos cardíacos acima do normal, cerca de 120 batidas por minuto, e respiração acelerada, por volta de 28 respirações por minuto. Um exame físico abdominal acabou apontando as causas das dores que o paciente estava sentindo. A tomografia realizada revelou que o caso era ainda mais grave do que eles imaginavam.

As consequências

O homem teve seu cólon pélvico perfurado e quantidades significativas  de ar e fluidos foram identificados em sua cavidade abdominal. Os médicos rapidamente prepararam o paciente para que um procedimento chamado laparotomia fosse realizado. A laparotomia basicamente consiste em realizar uma incisão para acessar à cavidade abdominal.

Os médicos ainda puderam notar uma extensa inflamação causada pela infiltração de fezes. "Os ovos foram removidos e a cavidade abdominal foi completamente limpa. Após o procedimento, o paciente foi monitorado por um curto período de tempo na UTI, e depois de alguns dias ele recebeu alta em condições clinicamente boas", relatou a publicação.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

Próxima Matéria
Via   IFL Science  
Imagens Para Mais 123RF
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+