Curiosidades

Essas são as armas que o Irã usaria se entrasse em guerra agora contra os Estados Unidos

0

Ninguém nunca desafiou tanto o Estados Unidos depois da Guerra Fria como o Irã. Só os gastos militares investidos pelos EUA foram o dobro do PIB do país persa. Em uma ação ofensiva do país norte-americano, o Teerã não conseguiria suportar um ataque. Contudo, os iranianos se prepararam para alguma investida tomando como base três preceitos: Um arsenal grande de mísseis balísticos, recursos navais e diversos grupos militares não estatais que apoiam a causa. O que aconteceria se o Irã entrasse em guerra com os EUA agora? Bom, deduzir isso é impossível, porém podemos dar uma olhada no arsenal deles para ter uma noção de sua força militar.

Hoje a Fatos Desconhecidos traz para você algumas das armas mais perigosas e temidas do Irã, armas que poderiam mudar à direção de uma guerra. Talvez não superem em força os Estados Unidos, mas com a estratégia correta e uma abordagem prática e efetiva… Qualquer guerra pode ser ganha ou causar muitos estragos. Essas são as armas que o Irã usaria se entrasse em guerra agora contra os Estados Unidos.

1 – Mísseis Sejil

Esse mísseis de longo alcance são considerados uma das armas mais poderosas e perigosas nas mãos dos iranianos. É estimado que o Sejil um alcance cerca de 2.000 a 2.500 quilômetros de distância e possui uma carga útil de 750 kg. Já o Sejil dois, basicamente a mesma distância, porém alguns quilômetros a mais, levando uma ogiva de 1000 kg. Esses mísseis também são altamente precisos.

2 – Mísseis Khalij-e Fars

O Khalij-e é um míssil anti-navios e tem um papel importantíssimo no poderio militar iraniano. Testado em 2002, o míssil alcança 300 km e carrega uma ogiva de 650 quilos. Ele também possui uma precisão de 8,50 metros.

3 – Milícias Xiitas

As milícias são uma peça fundamental dos iranianos. São pessoas treinadas pelo Hezbollah para seguirem qualquer ordem dos seus superiores no comando. Também levam consigo uma fé inabalável.

4 – S-300

Esse monstro é um veículo interceptor de mísseis e aeronaves. Basicamente, ele lança mísseis de curto, médio e longo alcance, que acertam qualquer coisa que esteja voando em até 1200 metros por segundo na altura de 25 metros. O objetivo dessa máquina é derrubar aviões, alvos balísticos e mísseis de cruzeiros.

5 – Submarinos Mijos Classe Ghadir

Uma das maiores ameaças que o Irã representa é sua capacidade de ameaçar a extração de petróleo no Estreito do Ormuz. Tão grande é a ameaça que desde 1976 estima-se que os EUA já gastaram 8 trilhões em proteção no local. Esses submarinos seriam um peça chave para uma ofensiva ou defesa desse local. Uma grande vantagem dessas máquinas de guerra são a dificuldade de serem rastreados.

6 – Hezbollah

O Hezbollah são aqueles que treinam milícias xiitas e são talvez a “arma” mais versátil do exército desse país. Eles já executaram diversos ataques suicidas e basicamente são eles que doutrinam novos membros para se unir à causa da guerra.

7 – Ah-1j SeaCobra

Esse é a arma que o Irã utilizou no conflito Irã/Iraque. Esses helicópteros foram comprados dos Estados Unidos. Recentemente o país comprou um “Upgrade” do  helicóptero e sua eficiência ainda não é conhecida.

E aí, o que achou da matéria? Deixe seu comentário aí em baixo e até a próxima!

14 imagens que vão confundir sua mente e te dar agonia

Matéria anterior

15 imagens incríveis que mostram como seria se os X-Men já estivessem com os Vingadores

Próxima matéria

Mais em Curiosidades

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.