História

Esse foi o primeiro ciberataque da história da humanidade

0

Hoje em dia é completamente comum ver ondas de ciberataque pelo mundo. Ultimamente, os ataques são dirigidos a sistemas de empresas e órgãos governamentais, fazendo o “sequestro” de informações de pessoas. Resumindo, o ciberataque é uma tentativa de invadir sistemas de máquinas para ter determinadas informações. E se você acha que os ciberataques acontecem de uns anos pra cá, caro leitor, saiba que você está redondamente enganado.

A verdade é que a primeira ação desse tipo aconteceu há muito, muito tempo atrás. Há cerca de 200 anos, o primeiro ciberataque aconteceu na França, bem antes mesmo da internet existir. Como foi tudo isso? A gente conta com detalhes para vocês nessa matéria.

O primeiro ciberataque da história

No ano de 1834, uma dupla de banqueiros, François e Joseph Blanc, começaram a usar o sistema de telegrafia para mudar informações que seriam enviadas ao mercado para conseguirem vantagens financeiras. O jornalista Tom Standage, do The Economist, explicou o esquema criado pelos irmãos Blanc no seu ensaio, chamado The crooked timber of humanity.

Ele diz que o primeiro sistema de dados que se tem notícias é o francês, criado em 1790. A rede de dados era um telégrafo mecânico com braços de madeira que ficavam em cima de várias torres. Os operadores usavam telescópios para ver as mudanças nas torres adjacentes e mexiam nos braços, indicando letras ou números. Assim era feita a troca de informações por grandes distâncias.

Os irmãos Blanc moravam em Bordeaux e tinham um sistema autônomo de negociação de títulos. Os valores eram vinculados a Paris e isso fazia com que as informações sobre a negociação chegassem a Bordeaux pelos sistemas de torres que passava pela cidade de Tours.

Os irmãos Blanc então resolveram subornar um operador de Tours para que apagasse uma mensagem, impedindo que a mesma chegasse a Bordeaux. Depois, eles também subornaram um ex-operador que observava a informação recebida em Tour e passava para os banqueiros.

Assim, eles conseguiam adicionar uma espécie de “código” ao sistema, que fazia com que algumas informações importantes fossem eliminadas. Esse esquema durou dois anos, até que um dia, o operador de Tours ficou doente e entregou o esquema para um amigo. Como nessa época ainda não existiam leis de segurança da informação, tal ato não era considerado crime.

Sistema de rede nem sempre é confiável

O que podemos aprender com isso, caros leitores? Bom, a verdade é que devemos sempre desconfiar de sistemas de rede pelo fato da fraude ser possível. Mesmo que as tecnologias avancem cada vez mais, a falha de segurança pode estar relacionada aos humanos, e não a tecnologia.

Em seu ensaio, Tom Standage disse o seguinte: “O conto dos irmãos Blanc é um lembrete de que, com qualquer nova invenção, as pessoas sempre encontrarão uma maneira de fazer uso malicioso dele. Este é um aspecto atemporal da natureza humana, e não é algo que se pode ou deve esperar que a tecnologia consiga arrumar”.

Você já conhecia a história do primeiro ciberataque da História? Não esqueça de deixar o seu comentário!

7 técnicas militares que podem facilitar sua vida

Matéria anterior

A família que resolveu adotar todos os irmãos de um orfanato

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos