• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

Já é possível escutar a 'música' feita a partir do giro da nossa galáxia

POR Mateus Graff    EM Ciência e Tecnologia      09/05/18 às 17h02

A Fatos Desconhecidos já fez matérias sobre canções, como as 20 músicas mais grudentas de todos os tempos e as 10 músicas que te fazem lembrar de suas séries favoritas. Bom, mas vocês nunca escutaram nenhuma música parecida com a que vamos mostrar para vocês nessa matéria.

Estamos falando, caros leitores, sobre uma música feita a partir do giro da nossa galáxia. Pode parecer loucura, mas acreditem, isso é real. Isso por que os astrônomo Mark Heyer, da Universidade de Massachusetts (EUA), disse que os tons da Via Láctea são distintamente jazzísticos. O cara criou um algoritmo que mostra o movimento dos gases no disco da Via Láctea como notas musicais. A gente conta mais detalhes dessa história para vocês.

A 'música' feita com as notas da Via Láctea

A música feita com as notas da Via Láctea foi chamada de "Milky Way Blues", que em tradução livre significa 'Blues da Via Láctea'. Mark diz que as notas refletem, principalmente, na velocidade do gás que está em torno do centro da nossa galáxia.

A música feita pelo astrônomo vocês podem escutar abaixo:

O método usado por Mark tem uma escala menor pentatônica e ele mapeou cerca de 20 anos de dados de radiotelescópios na Via Láctea, transformando os mesmos em notas. Os gases presentes no meio interestelar e que preenchem tudo por lá, aparecem em três fases: a atômica, molecular e ionizada. Vale lembrar também que os gases se movem em diferentes direções, ou para perto ou para longe de nós.

Usando como base os espectros desses gases, as fases gasosas foram 'traduzidas' em alguns instrumentos musicais. Os instrumentos usados foram bloco sonoro e piano para gás molecular, baixo para gás atômico e o saxofone para gás ionizado.

Quando as notas são mais altas, indica que o gás está se movendo em nossa direção. As baixas são do gás que está indo para longe de nós. Já as notas mais longas mostram uma linha de emissão mais forte.

Mark disse que "cada observação é representada por uma linha mostrando onde o telescópio estava apontando e as posições dos círculos ao longo de uma linha mostram as localizações do gás na galáxia responsável pelas notas tocadas."

Mas e você, gostou da música dos gases do meio interestelar? Não esqueça de deixar seu comentário aqui embaixo pra gente!

Próxima Matéria
Mateus Graff
https://www.instagram.com/mateusgraff/ https://www.facebook.com/mateus.adjutomartinsgraff
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+