Curiosidades

O Google Play removeu 24 apps perigosos do Android e você deve fazer isso do seu celular urgentemente

0

Atualmente, existe um aplicativo praticamente para cada necessidade e isso tem seu lado positivo e negativo. Na busca dos melhores aplicativos, e confiando nos serviços onde eles são postados, procuramos aqueles que nos oferecem maiores benefícios. E é difícil acreditar que, há 10 anos, eles não eram uma parte tão importante da nossa vida.

Seja entrega de comida, serviços de limpeza, caronas, entrega de qualquer tipo de produto, entretenimento, enfim, é difícil imaginar algum tipo de serviço que não seja feito por um aplicativo. Ele é um dos negócios mais rentáveis atualmente. E por mais que esse mercado esteja sempre em movimento, sempre existem os que faturaram mais.

Nos dias de hoje, é muito difícil encontrar uma pessoa que não tenha um aparelho de celular com acesso à internet, o famoso smartphone. Vivemos em uma era conectada, então, os aplicativos de celular são mais importantes do que nunca. Milhares de aplicativos dos mais variados temas são baixados todos os anos. Mas o fato é que nem todos esses aplicativos são realmente importantes, ou seguros.

Em uma era tecnológica, a forma como nos armazenamos nossas informações pessoais também mudam. A maioria das pessoas não guarda agendas de papel, ou então, escreve informações importantes, em algum lugar específico. Praticamente tudo sobre a vida de alguém está dentro do celular dela.

Aplicativos

E muitas vezes, quando baixamos um aplicativo, nem prestamos atenção nos termos de serviço. Para ser mais sincero, praticamente ninguém os lê. Isso é uma prática bastante perigosa, porque nesse  termos ou em o que o aplicativo pode ter acesso no seu celular pode ser bastante perigoso.

É impossível achar alguém que não tenha pelo menos um aplicativo em seu celular. Mas alguns deles escondem perigos, que os próprios usuários não imaginam.

O Google Play, loja online onde os usuários Android podem baixar seus aplicativos, removeu vários app’s que eram considerados perigosos aos usuários. Alguns desses aplicativos chegavam a ter mais de 382 milhões de downloads.

Eles foram removidos porque solicitavam do usuário, um grande número de permissões bastante perigosas. Elas podiam comprometer os dados privados das pessoas.

Ao todo, foram removidos 24 aplicativos da empresa chinesa Shenzhen Hawk, uma subsidiária da gigante TCL. De acordo com uma pesquisa feita pela VPNpro, essa empresa usava diferentes nomes de desenvolvedores, para camuflar suas intenções.

Permissões

Algumas das permissões que os aplicativos pediam davam a eles, a autonomia de fazer chamadas, tirar fotos, gravar vídeos, áudios, entre várias outras coisas.

Segundo Zak Doffman, analista da Forbes, dos 24 dos aplicativos listados, seis solicitavam acesso à câmera e dois ao próprio telefone. Isso significava que eles podiam fazer chamadas. Além disso, 15 dos aplicativos podiam acessar a localização GPS do usuário, e ler os dados no armazenamento externo.

Depois de instalados, os aplicativos podiam se comunicar com um servidor externo, controlado pelos seus desenvolvedores.

“Ao recuperar a localização e os detalhes do usuário, o menor risco é que isso incentive o marketing direcionado, graças aos dados do usuário vendidos aos anunciantes que podem personalizar anúncios indesejados”, explica Doffman.

Depois que essa investigação aconteceu, o Google optou por remover esses aplicativos da sua plataforma. “Levamos a sério as denúncias de violações de segurança e privacidade”, afirmou a empresa.

Mostramos abaixo, a lista dos aplicativos. Caso você os tenha, é recomendável removê-los.

World Zoo
Puzzle Box
Word Crossy!
Soccer Pinball
Dig it
Laser Break
Word Crush
Music Roam
File Manager
Sound Recorder
Joy Launcher
Turbo Browser
Weather Forecast
Calendar Lite
Candy Selfie Camera
Private Browser
Super Cleaner
Super Battery
Virus Cleaner 2019
Hi Security 2019
Hi VPN, Free VPN
Hi VPN Pro
Net Master
Candy Gallery.

Como será a série de Resident Evil feita pela Netflix?

Matéria anterior

Conheça o pangolim, o possível animal hospedeiro do coronavírus

Próxima matéria

Mais em Curiosidades

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.