Ciência e Tecnologia

O que aconteceria se você parasse de falar para sempre?

0

Provavelmente você já conhece a sensação. Está conversando com alguém e fala algo para se arrepender na mesma hora. Infelizmente, não existe uma forma de desdizer alguma coisa, então a solução mais apropriada seria parar de falar. Nos pensamentos, parece fácil, mas assim que você supera a situação, logo está falando novamente e o ciclo se reinicia.

Mas e se amanhã você acordasse decidindo parar de falar para sempre? Não só por algumas horas, alguns dias ou algumas semanas, mas por anos, ou talvez para sempre? Que efeitos isso poderia ter no seu corpo? Ou ainda, que efeitos isso teria na sua mente?

Antes de começar, é importante esclarecer que estamos falando dos efeitos de um possível silêncio proposto intencionalmente. Existem condições que causam a perda fala e afetam diretamente a habilidade de discurso que não entram aqui. Esses são problemas distúrbios que podem estar ligados a danos cerebrais, problemas neurológicos ou musculares que impedem a fala. Para o propósito da discussão, vamos supor que uma pessoa saudável simplesmente escolheu parar de falar.

Não existem muitos estudos que analisaram os efeitos fisiológicos a longo prazo em pessoas que decidem parar de falar, então precisamos confiar nas palavras e suposições de especialistas. Apesar de nenhum ter os dados científicos precisos para defender seus pontos, podem contar com especulações a partir do que conhecemos.

Pode até não parecer, mas as cordas vocais são músculos. Assim como todos os outros no corpo, quanto mais são usados, mais fortes eles ficam. Naturalmente, se não são utilizados, também ficam mais fracos, “Então, se você para de falar, os músculos da laringe poderiam atrofiar”, explica o otorrinolaringologista da Universida de Columbia Anil K. Lalwani.

Mesmo que cordas vocais fracas não soem tão mal, o problema conhecido como presbilaringe pode reduzir o volume de sua voz, mudar o tom dela e te provocar dificuldade na hora de falar. Então, de certa forma, a falta de fala pode fazer com que você prejudique a sua voz e chegue a ficar sem ela.

Por outro lado, existe uma outra abordagem de estudiosos da fala que negam essa possibilidade. Para a especialista em patologias de discurso Katie Plattner, do Distrito de Escolas Unificadas de Los Angeles, “provavelmente não aconteceria muita coisa.”

Katie explica que os músculos que utilizamos para falar também são utilizados para outras atividades o tempo todo. Nós precisamos do diafragma para respirar, por exemplo, e os músculos que usamos para abrir e fechar as cordas vocais estão envolvidos em hábitos como tossir, engolir ou mesmo fazer muita força (experimente falar na hora em que está fazendo força e perceba a dificuldade na voz).

“Você pode desenvolver algum problema para controlar a voz por estar fora de prática, mas sua habilidade de produzir a voz provavelmente ainda vai estar em forma. Não é como se fossem realmente atrofiar ou algo assim”, explica.

Mas e quanto a mudanças neurológicas? Será que parar de falar poderia gerar uma nova adaptação no funcionamento de nosso cérebro?

Se você parar de usar funções do corpo, seja por incapacidade ou por opção, você está sujeito a causar um encolhimento nas áreas do cérebro destinadas a realizar essas funções. A explicação é de Bijan Pesaran, professor do Centro de Ciência Neural da Universidade de Nova York. Esse “encolhimento” é diferente do que vem naturalmente com a idade, por exemplo. Nesse caso, o que o professor quer dizer é que o número de conexões neurais disponíveis para realizar aquelas funções diminui, fazendo com que a tarefa em questão não seja realizada com a mesma habilidade depois de um tempo.

Então, agora que você já sabe, pode tentar parar de falar para sempre. Muita gente vai estar ansiosa para ouvir os seus relatos sobre isso. Ops!

O que achou dos efeitos do silêncio? Conte para a gente nos comentários e aproveite para compartilhar a matéria com aquela pessoa que você acha que deveria pensar um pouco mais e falar um pouco menos.

O homem mais gordo do mundo fez uma cirurgia e perdeu 300 kg

Matéria anterior

Série derivada de Uma Noite de Crime ganha mais informações

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos