• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

Pessoas que eram gordas demais para serem tratadas normalmente

POR Pietro Bottura    EM Curiosidades      04/12/14 às 21h18

Você pode se olhar no espelho e achar que está gordo ou gorda demais, mas entre a simples estética e a obesidade mórbida há uma grande diferença - de mais ou menos 100 kg - que fazem desse problema mais do que simplesmente um motivo para detestar a própria aparência. As pessoas de nossa lista chegaram ao ponto de ter tratamento diferente em situações bastante inusitadas, como ao cometer crimes ou voar de aviaõ, somente por estarem acima do peso. Veja você mesmo esses casos e reflita sobre como deve ser difícil nascer com um metabolismo tão cruel e sofrer desde a infância:

Gorda demais para voar

a98346_too-fat_6-fly

Isso foi o que Kenlie Tiggeman ouviu de uma aeromoça, que afirmou que, por seu peso, Tiggeman precisaria comprar dois assentos, pois não ocupava somente o seu. A mulher injuriada entrou na justiça e está processando a companhia, também exigindo que a escolha de comprar ou não um segundo assento seja do passageiro, e não dos comissários de bordo. E você, o quê pensa a respeito do conflito?

Gorda demais para assassinar alguém

a98346_too-fat_1-murder

Esse é o caso de Mayra Rosales, de 31 anos, que afirmou ter sido autora de um assassinato de um bebê de dois anos, seu sobrinho, que teria sido esmagado e/ou sufocado por ela após rolar em cima da criança (acidentalmente, é claro). Mayra pesa em torno de meia tonelada, e a história até poderia ser verdade, mas a autópsia do garoto revelou que a causa de morte foi uma fratura craniana, que na verdade havia sido obra de sua irmã, que bateu na cabeça da criança várias vezes no dia. Além disso, os advogados de defesa provaram que Mayra não conseguia sequer levantar os braços.  Mas Mayra, apesar de bem acima do peso, tentou se sacrificar para proteger a irmã, o que prova que massa corporal não tem nada a ver com maldade.

Gordo demais para ir preso

a98346_too-fat_2-jail

Claude Jackson está fazendo serviço comunitário por ter quebrado um copo de vidro na cabeça de outro homem, num bar, em 2007. Mas na verdade a pena dele não era essa, e sim o encarceramento, já que o golpe fez um corte de 4 cm no pescoço da vítima, que precisou até de tratamento médico. O problema é que Jackson pesa 190 kg, já teve três ataques cardíacos, tem apneia, artrite e outras complicações. Ele já pesou 234 quilos e teve obesidade mórbida a vida toda, e isso fez com que a cadeia fosse desconsiderada, já que seria muito provável que somente o stress do ambiente lhe matasse, fazendo com que o jovem de apenas 21 anos fosse agraciado com uma pena mais leve.

Gordo demais para morrer

a98346_too-fat_4-to-be-executed

Um condenado de Ohio chamado Ronald Post, que atirou num atendente de hotel há quase 30 anos. Pelos seus problemas cardíacos, tecido adiposo e cicatrizes e outros problemas médicos, é provável que seria bastante difícil matá-lo. Seu tamanho é tão grande que não caberia numa cadeira elétrica ou maca para eutanásia.

Gordos demais para trabalhar

a98346_too-fat_3-family-work

A família Chawner, de Blackburn, na Inglaterra, ganha 22 mil Libras por ser "gorda demais para trabalhar" e até para se manter. Quando perguntam por que eles não entram numa dieta, respondem "não temos tempo para isso", o que é irônico, já que não trabalham há 11 anos, mas afirmam consumir 3 mil calorias per capita todos os dias e gastar mais de 50 Libras em chocolate, tortas e fritas.

Gordo demais para a paternidade

a98346_too-fat_5-be-dad

É o caso do pai que pesa 160 kg e perdeu a guarda de seus dois filhos, depois de uma decisão médica e judicial que atestava que ele seria incapaz de criá-los devido ao seu peso. Apesar do pai estar lutando contra o peso, os dois filhos, de 5 e 6 anos, foram levados para adoção. A mãe deles tinha tido um colapso nervoso, supostamente por uma overdose, o que não ajudou o caso.

Gordo demais para ser cremado

a98346_too-fat_9-cremation

Supõe-se que um cadáver obeso tenha sido o responsável por um incêndio em um crematório austríaco, em Graz, que teria saído de controle após a tentativa de incinerar um homem de 200 kg, o que deixou cinzas gordurosas e escorregadias para os bombeiros que acessaram o local.

 

Bizarro, não é mesmo? Só lembrando que não estamos fazendo apologia ao preconceito ou discriminação contra os gordinhos de forma alguma; se você é um ou gosta de implicar com um, saiba que ser gordo não é motivo para vergonha - ou existe alguém perfeito? Na verdade, tem até gente querendo ficar gordinha!

Próxima Matéria
Pietro Bottura
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você


Fatos + Deezer (Podcast)

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+