História

Por que os Estados Unidos jogaram mísseis na Síria e o que isso quer dizer?

0

Na noite dessa quinta-feira (6), os Estados Unidos jogaram 59 mísseis do tipo Tomahawk contra uma base aérea localizada na Síria. O bombardeio foi feito em resposta a um ataque químico realizado em uma região controlada por rebeldes, que matou ao menos 80 pessoas. Na ocasião, líderes globais condenaram a ação do governo sírio, incluindo o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Os mísseis atingiram a base de Al Shayrat por volta das 4h40, horário local (ou 21h40, no horário oficial de Brasília). De acordo com o porta-voz do Pentágono, Capitão Jeff Davis, as armas foram disparadas a partir dos destróieres USS Porter e USS Ross, na intenção de destruir “aeronaves, abrigos de aviões, áreas de armazenamento de combustível, logística e munição, sistema de defesa aérea e radares”.

De acordo com o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH), a base ficou “quase” completamente destruída.

Não se sabe ao certo quantas pessoas foram vítimas no bombardeio, mas a agência estatal síria declarou que nove civis foram mortos, incluindo crianças. Já o Exército da Síria declara que seis pessoas morreram, enquanto o OSDH, de oposição ao presidente sírio, Bashar Al-Assad, aponta que quatro militares foram vítimas fatais.

3 27 600x450, Fatos Desconhecidos

O bombardeio foi a primeira ação direta do governo dos Estados Unidos contra o líder sírio. Até então, as ações militares norte-americanas focavam apenas em alvos do Estado Islâmico, o que mostra uma mudança significativa na ação do país na região.

O ataque é a primeira ação direta dos EUA contra Assad. Trata-se de uma mudança significativa na ação americana na região, pois até então os EUA apenas vinham atacando o Estado Islâmico. Em 2013, o então presidente Barack Obama já havia hesitado, quando confrontado sobre a sua postura perante os acontecimentos na Síria.

Agora, Donald Trump tomou a decisão sem buscar aliados e permissão do Congresso, mostrando, talvez, uma falta de preocupação com as consequências de sua ação, que o governo da Síria chamou de “irresponsável” e “imprudente”.

2 51 600x450, Fatos Desconhecidos

Trump aproveitou o ataque para cobrar a postura de outros países, declarando ser de interesse da segurança nacional de seu país conseguir prevenir e colocar fim ao uso de armas químicas mortais, como a utilizada na Síria. “Esta noite chamo todas as nações civilizadas para buscar um fim à matança e ao banho de sangue na Síria”, declarou.

A ação do governo norte-americano aconteceu cerca de 72 horas depois o ataque com armas químicas na região. Apesar da magnitude da ação militar, Trump agiu contra o que andava pregando em seus discursos. Anteriormente, ele defendia que os Estados Unidos deveriam focar em atacar o Estado Islâmico, deixando o governo Assad de lado.

De acordo com informações reveladas pelo Pentágono, o governo russo foi avisado antes do ataque, para que russos na base não fossem atingidos. Ainda assim, de acordo com o presidente Vladimir Putin, o ataque foi considerado uma “agressão a um Estado soberano” e realizado com base em motivos criados. Para os russos, o governo sírio não foi responsável por nenhum ataque químico.

Por causa disso, o chefe do Comitê de Defesa do Parlamento russo declarou que o país vai convocar uma reunião de urgência no Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas.

0 15 600x450, Fatos Desconhecidos

A guerra da Síria começou como um levante pacífico contra líder sírio Bashar al-Assad, mas se transformou num conflito extremamente violento depois que, em resposta a manifestações populares inspiradas pela Primavera Árabe, o governou tomou decisões brutais e autoritárias.

Enquanto os Estados Unidos julgam que Assad é responsável por grande parte das atrocidades e absurdos percebidos no conflito da Síria, a Rússia defende a permanência do governante no país, para defender os interesses russos na região.

Confira um pouco mais sobre o conflito sírio por meio de imagens perturbadoras que mostram como é a realidade em uma zona de guerra.

Pai usa photoshop para fazer algo incrível com seu bebê

Matéria anterior

Esse pai quase morreu por conta de uma doença misteriosa

Próxima matéria

Você também pode gostar

Mais em História

Comentários

Comentários não são permitidos