De acordo com o The Hollywood Reporter, a sequência de Coringa já é uma realidade. Segundo o site, após o sucesso estrondoso do filme, a Warner Bros. está com a continuação em desenvolvimento. Por enquanto, foi noticiado que Todd Phillips e Scott Silver deverão retornar a parceria no roteiro. Contudo, Phillips ainda está em negociações para dirigir o segundo longa. Até o momento, não há maiores informações sobre o projeto. Acredita-se, porém, que Joaquin Phoenix deverá reprisar o papel título. Afinal, sua ótima performance foi um dos elementos mais comentados do filme. Com grandes apostas para indicação ao Oscar.

Há cerca de seis semanas em cartaz, Coringa não teve conhecimento de barreiras. O filme tem quebrado inúmeros recordes dede sua estreia. Entre os quais se estabeleceu como o maior lançamento da história no mês de outubro. Se tornou o longa baseado em histórias em quadrinhos mais rentável de todos os tempos. Ainda alcançou a casa do bilhão, sendo o primeiro filme para maiores de idade a conquistar tamanha bilheteria. O feito é mais impressionante ao compararmos o lucro com o orçamento estimado de produção. Coringa teve custo médio de U$ 55 milhões de dólares, com bilheteria mundial estimada em mais de U$ 1 bilhão.

Publicidade
continue a leitura

Quem rir por último, ganha mais

Publicidade
continue a leitura

Vale comentar que Coringa conseguiu todo o sucesso mesmo em volta de polêmicas. O longa foi apresentado ao público pela primeira vez no Festival de Veneza, onde venceu o Leão de Ouro. No entanto, as duras críticas começaram quando o longa chegou ao Festival de Toronto. Para boa parte da crítica especializa, a obra de Todd Phillips era irresponsável, pois incentivava a violência.

Publicidade
continue a leitura

A tal questão; mais fácil culpar a arte pelos problemas sociais que os governantes assumirem a responsabilidade. A discussão repercutiu sem controle o que, muito provável, tenha impulsionado os números da bilheteria. Seja como for, o palhaço acabou rindo por último, conquistando Gotham e o resto do mundo ocidental.

Publicado em: 20/11/19 12h20