Fatos NerdNotícias

Superman agora também é um vilão nos quadrinhos

0

A mais recente aposta da DC Comics é a série Batman/Superman. Embora os dois nomes, dispostos lado a lado, tendam a remeter conflito, dessa vez, os heróis estão mais unidos do que nunca. O quadrinho é escrito por Joshua Williamson e ilustrado por David Marquez. Ademais, a publicação tem sido descrita como uma das maiores e mais importantes na histórias da editora. Apesar de normalmente esse tipo de comentário não passar de marketing, a última edição provou que o elogio não é exagero. Ao passo que o enredo apresenta a dupla de heróis lutando contra o Batman que Ri, nossas expectativas já são elevadas ao nível máximo. Para aqueles que não sabem, o perturbador antagonista tem sido considerado o melhor vilão do Homem-Morcego.

Por muito tempo, acreditamos que o personagem do Multiverso de Metal se tratava de uma versão do Coringa, que brincava com a estética do Cavaleiro das Trevas. Afinal, desde seus bizarros Robins até o abominável local da sua versão da Batcaverna, tudo parecia uma grande piada de mau gosto, elaborada pelo Palhaço do Crime. Todavia, em uma reviravolta, descobrimos que o Batman que Ri é, na verdade, a personificação do maior questionamento de Bruce Wayne: o que aconteceria caso ele matasse o Coringa?

Bom, em um universo alternativo, isso aconteceu. Assim que o coração do palhaço parou de bater, liberou uma toxina em seu assassino, transformando-o em uma versão de si. Considerando que o vilão é basicamente a mescla de duas das maiores mentes da DC, era de se esperar que o Batman passasse por um aperto para derrotar o adversário. Porém, para a sorte do herói, ele não ficou sozinho nessa. Contudo, o plot twist foi descobrir que o sucesso da missão, dependia do sacrifício do Superman.

O mais novo vilão da DC (ou o que a editora quer que você pense)

Já na primeira edição de Batman/Superman tivemos um vislumbre das intenções do Batman que Ri. O vilão infectou Shazam com o mal do Multiverso das Trevas. Posteriormente, o plano se desenvolveu com êxito e o vilão conseguiu formar sua própria Liga da Justiça. Percebendo que não seria efetivo lutar contra seis de seus companheiros, a dupla de heróis viu que era hora de mudar a estratégia. O principal alicerce de seu novo plano foi baseado em uma pista lançada na luta contra o alter ego de Billy Batson. Com Batarangues personalizados com o “S” de Superman e infectados com a toxina do mal, Shazam tentou atingir o Homem de Aço a todo custo. Foi aí que seus oponentes se deram conta do que o Batman que Ri pretendia.

Utilizando essa informação, adicionada ao conhecimento sobre a base de operações do vilão, a dupla deu início ao seu plano. Com o propósito de enganar o Batman que Ri, os heróis decidiram “sacrificar” o Superman. Na verdade, Clark Kent resolveu fingir estar infectado para se aproximar do oponente. Apear de todo seu receio inicial, o Batman acabou cedendo. Sendo assim, o objetivo passou a ser trazer o adversário para fora de seu esconderijo. Afinal, onde é esse tal refugio? Acredite se quiser, o mesmo é localizado em uma cela debaixo do Hall da Justiça. Sim, literalmente debaixo do nariz dos heróis. A segunda edição da HQ terminou assim. Agora, o objetivo é convencer o Batman que Ri de que a missão do Shazam foi um sucesso.

Será que o Superman tem as habilidades de atuação necessárias pra isso? O vilão vai descobrir a farsa? O Batman tem um plano de contingência caso esse não dê certo? Bom, essas perguntas só serão respondidas na próxima edição. Enquanto isso, compartilhe sua opinião conosco.

7 inspirações de algumas das mais belas músicas de todos os tempos

Matéria anterior

Qual é a origem do estereótipo de alienígenas que conhecemos?

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos