Curiosidades

A trágica história das irmãs rapunzel

0

Nascidas em uma pequena fazenda em Niagara County, Nova York, as sete irmãs Sutherland eram candidatas improváveis ​​a construir um império de cabelos. De acordo com o folclore familiar, as meninas carregavam o cheiro fétido de um óleo capilar. A mãe, Mary, fazia questão de usar o produto nas filhas ao longo de todas as noites. Embora outras crianças tenham evitado as irmãs Sutherland, a insistência de Mary no ritual provaria ser um golpe de mestre. Entre altas e baixas, nos deparamos com a trágica história das irmãs rapunzel. Mary não conseguiu viver a tempo de presenciar o sucesso das filhas, mas definitivamente sentiria orgulho. As irmãs Sutherland acabariam se tornando algumas das mulheres mais ricas da América.

Famosas por suas longas e espessas madeixas, no final do século 19, as sete irmãs Sutherland – Sarah, Victoria, Isabella, Grace, Naomi, Dora e Mary – eram nomes bastante conhecidos. Elas tinham, ao todo, cerca de 11,2 metros de tranças. Esses cabelos, exibidos em toda a América, tornaram-se a moeda de troca para o Hair Grower, um tônico para crescimento capilar.

A trágica história das irmãs rapunzel

Depois que Mary morreu, em 1867, Fletcher Sutherland começou a excursionar pelo país com suas filhas e um filho. Inicialmente, tocavam instrumentos e cantavam em feiras e igrejas de Nova York. Em algum ponto ao longo do caminho, o único filho de Sutherland foi removido do ato e Fletcher começou a faturar com as “As Sete Maravilhas”. No ano de 1867, Sarah, Victoria, Isabella, Graça, Naomi, Dora e Mary Sutherland se tornariam celebridades por um detalhe incomum: os enormes cabelos.

E adivinha onde elas foram parar? Na Broadway. Embora as irmãs cantassem, as plateias se reuniam nos shows para ver os longos cabelos ondulados. Inclusive, tinham uma favorita: Victoria, cujos sete pés de cabelo se arrastavam atrás dela. As irmãs terminavam cada uma de suas apresentações musicais soltando suas tranças e deixando seus cabelos caírem no fosso da orquestra.

O tônico mágico

Em 1882, Fletcher patenteou o tônico Hair Grower e começou a vendê-lo, supostamente modelado segundo a fórmula de Mary Sutherland. O produto decolou em vendas depois que a irmã Naomi se casou com Harry Bailey, um jovem empresário relacionado a James Bailey. Assim, as “Sete Maravilhas” se juntaram ao The Greatest Show on Earth (O Maior Espetáculo da Terra) promovido pela companhia de circo Ringling.

A colaboração com Barnum e Bailey provaria ser um benefício financeiro para as irmãs. Em 1884, o tônico rendeu R$ 347.500,00. O rótulo esverdeado da “fórmula mágica” prometia “tornar o cabelo macio e brilhante”. Mais adiante, em 1889, as irmãs Sutherland haviam vendido cerca de R$ 10 milhões em produtos para cabelos.

O caminho para o fim

As coisas começaram a tomar outra forma ao longo das tragédias familiares. Com a morte do pai e da irmã Noami, as “seis maravilhas” ficaram devastadas. Festas eram realizadas diariamente, com bastante álcool e outras drogas. Frederick Castlemaine, em uma dessas comemorações, acabou conhecendo e posteriormente se casando com Isabella. Após um tempo sem tragédias na família, Castlemaine cometeu suicídio.

Além disso, para completar, a tendência de cabelos curtos no início do século 20 dificultou os negócios. Embora o tônico tornasse as irmãs ricas o bastante para construir uma mansão no condado de Niagara, a fama se desvaneceu.

Quando Victoria, aos 50 anos, se casou com um rapaz de 19 anos, as irmãs a expulsaram de casa. Ela morreria sozinha em 1902. O futuro acabou sendo o mesmo para Isabella e Sarah. Em 1907, a fortuna das irmãs Sutherland viu um declínio acentuado. As duas irmãs restantes, décadas depois, fecharam a loja para sempre. Elas literalmente queimaram sua fortuna (e sua mansão foi junto com o incêndio em 1938).

A última das irmãs Sutherland, Grace, morreu sem dinheiro e esquecida em 1946. Ao passar do tempo, de qualquer forma, a trágica história das irmãs rapunzel foi reconhecida. O famoso tônico se tornou um artefato histórico do século XIX. É possível encontrá-lo no Museu Nacional de História Americana em Washington, DC.

Conheça o raro distúrbio que fez com que essa mãe e seu filho tivessem cabelos brancos

Matéria anterior

Foto chocante mostra aranha gigante capturando gambá

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos

Fatos Desconhecidos Nós gostaríamos de enviar notificações dos últimos conteúdos e atualizações que fazemos.
Dismiss
Allow Notifications