Vacina contra câncer de pulmão já existe e é de graça

POR A redação    EM Ciência e Tecnologia      10/06/15 às 16h31

Cuba lançou a primeira vacina contra câncer de pulmão. O produto é chamado de Cimavax e está disponível para os cubanos desde 2011. A novidade é que o país está começando a negociar a exportação do remédio para outros países. As doses da vacina são distribuídas de graça pelo governo cubano. Agora em 2015, outros países começaram a ter interesse nesse medicamento milagroso.

O Centro de Imunologia Molecular de Cuba finalizou um acordo com o Instituto do Câncer Roswell Park para que a vacina chegue aos EUA. No país norte-americano, a vacina ainda precisa ser aprovada pelo FDA (órgão que regula os medicamentos e alimentação) e passar por testes clínicos.

Essa colaboração vem depois do embargo comercial de 55 anos que os Estados Unidos impôs à Cuba. A administração do governo Obama está se aproximando do governo cubano nos últimos anos e vêm encontrando bons resultados nas parcerias (principalmente no campo da medicina) entre os dois países.

"A possibilidade de disponibilizar uma vacina como essa no mercado é bastante animadora", afirmou Candace Johnson, CEO do Instituto Roswell Park. Outro fator que deixou os médicos animados é que a vacina é relativamente barata de produzir e armazenar.

Os pacientes que usam vacinas contra câncer geralmente sofrem com diversos efeitos colaterais nocivos, entretanto, a Cimavax apresenta poucos efeitos colaterais, sendo os mais comuns: febre, dor de cabeça e calafrios. Esta vacina é administrada a pessoas que já têm câncer de pulmão.

A Cimavax não é como uma vacina contra o sarampo que é dada a uma criança que pode, ou não, ter a doença. O medicamento inibe o crescimento de tumores além de evitar que a doença se espalhe pelo corpo. Os pesquisadores estão esperançosos de que a vacina possa ser usada para outros tipos de câncer. Infelizmente, essa vacina não está disponível no Brasil.

 

 

A redação
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+