• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

Você sabe qual é a cena mais triste do mundo?

POR Thamyris Fernandes    EM Curiosidades      06/06/14 às 13h47

Que os homens nos desculpem, mas não são apenas as mulheres que se emocionam diante de cenas tristes de filmes. Por mais que o indivíduo não derrame uma lágrima, é possível e até esperado que ele se abale com interpretações de tristeza no cinema, até porque ninguém é de ferro.

Aliás, isso foi cientificamente testado. Pesquisadores da Universidade da Califórnia selecionaram 78 trechos de filmes e colocaram 250 voluntários para assisti-los. A reação dessas pessoas, então, foram atentamente monitoradas pelos cientistas, que elegeram 16 trechos realmente capazes de estimular emoções específicas, como nojo, raiva e tristeza.

Apesar da variedade de resultados, o mais interessante dessa pesquisa foi o achado da cena considerada a mais triste de todos os tempos. Conforme o estudo, o fragmento de apenas 2 minutos e 51 segundos do filme O Campeão, de 1979, tem o grande poder de levar às lágrimas pessoas dos mais variados tipos.

 

E não é para menos. A cena é protagonizada pelo então ator-mirim Ricky Schroder, que vive o garotinho T.J no filme. O longa, aliás, narra a história de um ex-boxeador que tenta voltar aos ringues, mas acaba morrendo na frente do filho de 9 anos.

"Campeão, acorde!" é a frase que o menino T.J diz às lágrimas sobre o corpo do pai. A cena é tão forte e bem feita que todas as vezes que um experimento nesse sentido precisa ser realizado, os pesquisadores ainda recorrem a esse mesmo filme.

1

Veja agora (se puder) a tal cena considerada a mais triste de todos os tempos. O vídeo está em inglês, mas mesmo assim é extremamente tocante:

Próxima Matéria
Thamyris Fernandes
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+